Por André Somensari Em Notícias Atualizada em 19 MAR 2019 - 15H51

Busca pela felicidade é tema do novo livro de Valdelene Pereira

O que é felicidade para você? A felicidade sempre esteve e estará entre as buscas humanas. Todos a almejamos e a perseguimos, porque o movimento da vida, em suas mais variadas etapas, sempre nos porá diante da exigência de seu sentido.

O ato de confiar a vida nas seguras mãos de Deus e de buscar nossos sonhos revela que a felicidade não é uma realidade etérea, longe do chão que pisamos, que viver é uma aventura sadia e que vale a pena nos ocuparmos dela, não como espectadores, mas como agentes conscientes de que nascemos para a felicidade, para o céu!

Editora Santuário
Editora Santuário
A autora aborda temas como a depressão, o silêncio e a fé como aliada na busca da felicidade.


A Editora Santuário lança este mês o livro “A busca da felicidade pela fé”, de Valdelene Nunes de Andrade Pereira, médica e mestre em Ciências das Religiões. Ela também é autora dos livros “Medicina e Espiritualidade” e “Saúde e oração”.

Segundo a autora, a obra em questão convida o leitor a refletir sobre o tema da felicidade pelo maravilhoso caminho da fé, que é instrumento eficaz para anular as forças maléficas do desânimo e da desesperança, que assolam a sociedade atual, sob a famosa denominação de depressão.

A equipe do Jornal Santuário conversou com a autora, que deu mais detalhes sobre seu novo livro:

O que a motivou a escrever uma publicação sobre a felicidade? A Fé é o melhor caminho para se chegar até ela?

Valdelene Nunes de Andrade Pereira – Minha motivação foi justamente a falta de felicidade. Foi a tristeza pela perda de minha mãe. Quando perdemos algo ou alguém especial, sentimo-nos extremamente frágeis e afetados por essa perda. É comum que perguntemos: por que comigo? Então nos revoltamos contra o mundo e contra Deus. Mas devemos nos lembrar do sofrimento de Cristo na cruz e de seu convite: “Levanta-te e vem para o meio! Coragem! Eu venci o mundo”. Muitas pessoas se dizem infelizes, porque não podem viajar, comprar o celular mais moderno, frequentar ambientes requintados e colocam coisas materiais acima de tudo. A verdadeira felicidade está em saber aproveitar a vida com o que se tem; e, às vezes, a única coisa que se tem é a própria vida. Pude ver minha mãe caminhando em direção à morte, mas ainda brincava e sorria. Brindou o Ano-Novo conosco, com uma taça de champanhe; havia saído recentemente do hospital. Somente a fé pode conceder a felicidade em meio à doença.

:: Catálogo Dia a Dia é fonte de evangelização e renda

Um dos capítulos de seu livro chama-se “O Silêncio que fecunda”. Fale-nos sobre a importância do silêncio.

Valdelene Pereira – Como eu abordo no livro, o mundo está doente. E uma das causas disso é o excesso de ruído a nosso redor. Somente no silêncio podemos dormir um sono restaurador, fazer uma oração compenetrada, meditar, ouvir a voz de Deus. Como falei no livro: Deus se faz no silêncio.

Em seu livro, um dos temas abordados é a Depressão, a qual você teve quatro vezes. Como lidar com essa doença? Qual o caminho para a cura?

Valdelene Pereira – No livro, eu abordo o assunto, citando autores que escreveram sobre o tema, mencionando os sintomas, as causas e, sobretudo, apontando as maneiras de enfrentar a doença e de buscar meios de como sair dela. Primeiramente se faz necessário aceitar a doença. Depois, deve-se buscar ajuda profissional e familiar. O doente deve evitar o isolamento absoluto, pois isso aumenta o risco de suicídio.

Sempre aconselho meus pacientes com depressão a buscarem intensificar sua prática religiosa, qualquer que seja ela. Digo-lhes que não poderão vencer a doença sozinhos. Ao contrário do que se pensa, a pessoa que é acometida pela depressão não é fraca; é, sim, resistente e sofre por longos períodos de sua vida antes de cair doente. Também é importante que se conscientize de que pode haver recaídas, que não significam que deva desistir. Sempre é válido se questionar: o que esta doença quer me dizer?

Estar doente é sempre uma oportunidade para recolher-se e refletir sobre o que realmente importa na vida. Muitas vezes, estamos nos consumindo por coisas ou pessoas que não valem a pena. Só Deus é absoluto e nos preenche por inteiro. Nele está a verdadeira felicidade.

Outro tema que você aborda no livro é a questão do Tempo. Ele é um obstáculo ou aliado à felicidade?

Valdelene Pereira – Eu trago a temática do tempo, justamente porque ele é uma faca de dois gumes. Pode ser um aliado ou um obstáculo. Quando nos deixamos escravizar pelo relógio, ele é fonte de estresse e doenças. Mas o tempo de Deus, o Kairós, é um aliado. A Bíblia diz que, para tudo, há um tempo sob o sol: tempo para chorar, tempo para rir; tempo para viver e tempo para morrer; e, sobretudo, haverá o tempo da ressurreição, em que o tempo não mais importará.

Adquira o livro “A busca da felicidade pela fé”, pela loja virtual (e-commerce) da Editora Santuário, acessando www.editorasantuario.com.br ou nas unidades da Livraria Santuário.

1 Comentário

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por André Somensari , em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.