Por Allan Ribeiro Em Notícias

Capela da Fazenda Esperança é elevada a Santuário

A Fazenda da Esperança, em Guaratinguetá (SP), aguarda uma movimentação maior após a elevação da capela Santo Antônio de Sant’Ana Galvão e de Santa Crescência a Santuário da Esperança, no fim de janeiro. Em 2007, o local recebeu a visita do Papa emérito Bento XVI. Desde então, várias caravanas que visitam os centros religiosos da região se estendem à comunidade para conhecê-la. A expectativa é que o número de fiéis supere a marca de 10 mil, movimento que é registrado anualmente.

Foto de: Allan Ribeiro / JS

santuario_da_esperanca

A expectativa é que o número de fiéis supere a marca de 10 mil

 

Um dos fatores que deve incentivar a visita de romeiros ao novo santuário é a abertura da Porta Santa. Os peregrinos que passarem pelo santuário poderão receber as graças concedidas pelo Ano Extraordinário da Misericórdia. Também como forma de testemunho de fé, a Fazenda prepara um espeço destinado a ex-votos.

O arcebispo de Aparecida (SP), dom Raymundo Damasceno Assis, que presidiu a cerimônia de elevação e a abertura da Porta Santa, afirma que Cristo está no centro do santuário, como aquele que dá sempre esperança e renova as vidas em meio as labutas e lutas diárias da vida em sociedade. “Estamos muito felizes com mais esse lugar de peregrinação e bênção de Deus, onde a Palavra de Deus vai ser irradiada, anunciada e testemunhada”, ressalta o cardeal.

Este é o terceiro santuário da arquidiocese de Aparecida (SP), ao lado do Santuário Nacional e o Santuário de Santo Antônio de Sant’Ana Galvão. Dentre os fatores que instituíram o decreto arquidiocesano para a intitulação do Santuário está a visitação do Pontífice à Fazenda da Esperança, o aumento expressivo no número de peregrinos que visitam o local e o trabalho social e pastoral da Fazenda da Esperança.

Foto de: Divulgação / Fazenda Esperança

santuario_da_esperanca_2

Dom Raymundo Damasceno inseriu o Santuário da
Esperança no contexto jubilar ao abrir a Porta Santa

O desejo do fundador da Fazenda da Esperança, Frei Hans Stapel, é que, com esse maior fluxo de fiéis, as pessoas vejam as maravilhas que Deus faz com os jovens dependentes que encontram Jesus e tornam-se apóstolos de verdade. “A sociedade vai ver com os olhos que é possível a recuperação. Não é um sonho é uma realidade. Devemos acreditar juntos e ajudar os jovens a se tonarem homens e mulheres”, exprime. 

Espaço do peregrino 

Para acolher bem o visitante, a Fazenda da Esperança contará com o Espaço do Peregrino irmã Odete. O local é uma homenagem a Irmã Franciscana de Siessen, que deu sua vida para o trabalho com os recuperandos e em 2015 foi assassinada.

Esse lugar conta as histórias da comunidade da Fazenda da Esperança, de maneira interessante e interativa. O espaço traz a reprodução da esquina da cidade, onde as primeiras iniciativas da fazenda da esperança brotaram, além de um auditório com capacidade para 90 pessoas, onde os jovens da Fazenda contam seus testemunhos de vida.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Allan Ribeiro, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.