Por Deniele Simões Em Notícias

Novas tecnologias devem aproximar alunos, professores e famílias

Um meio de diálogo cada vez mais frequente entre alunos e professores. É para essa direção que o uso das novas tecnologias tem caminhado e, ao contrário do que alguns teóricos afirmam, não deve substituir o professor em sala de aula.

Foto de: Reprodução / ESSJ

Tecnologia_2 - Reprodução ESSJ

Uso de novas tecnologias deve
melhorar diálogo em sala de
aula, contribuindo para aproximar
famílias das escolas

“Nós temos de romper a barreira do impresso, onde há limitações quanto ao conteúdo”, opina o coordenador de tecnologia e inovação da Editora Dom Bosco, Edevaldo Siqueira Gaudêncio.

Gaudêncio acredita que o uso das novas tecnologias não só ajuda no diálogo em sala de aula, como também deve contribuir para aproximar as famílias da escola, permitindo o acompanhamento constante do processo de ensino e aprendizagem do aluno.

Essas e outras questões foram amplamente debatidas entre os dias 27 e 29 de abril, em Aparecida (SP), durante o XIII Encontro Nacional de Escolas Salesianas (Enarse).

O encontro reuniu cerca de 190 participantes, entre diretores das mais de 100 unidades da Rede Salesianas de Escola no Brasil, animadores, gestores, coordenadores, assessores e diretores.

Com o tema Educação e Novas Tecnologias, o encontro possibilitou a discussão e o aprofundamento do debate sobre o uso de recursos tecnológicos em sala de aula, material didático digital, dentre outros assuntos que envolvem a educação hoje.

O diretor executivo da Rede Salesiana de Escolas, padre Nivaldo Luiz Pessinatti, ressalta que o objetivo do encontro foi debater sobre os desafios de trabalhar a educação em um mundo globalizado, onde as novas tecnologias estão muito presentes.

 

Foto de: Deniele Simões / JS

Ir. Mônica - Deniele Simões JS

Irmã Mônica Maria Santana: "A
Web 3.0 é exatamente o espaço
virtual onde os nossos jovens
circulam com muita facilidade.
Isso se apresenta como um
desafio para o educador e nós,
juntos, buscamos uma solução,
caminhos e horizontes em prol
da formação desses jovens"

Nessa perspectiva, o fato de os salesianos serem educadores religiosos torna a tarefa de educar e evangelizar ainda mais desafiadora. “Temos uma grande missão de oferecer, além da qualidade no processo de ensino e aprendizagem, uma leitura evangélica da vida e critérios cristãos de vida para esses jovens”, pontua. 

 

Diante do desafio de não apenas apresentar um bom produto, aliado aos recursos tecnológicos, ele lembra que a missão dos educadores salesianos não compreende apenas transferir metodologias antigas para uma plataforma moderna. “Trata-se de encontrar metodologias novas para essas novas plataformas, ciente de que, através de uma educação de qualidade, moderna e inovadora, conseguimos passar valores cristãos”, acrescenta. 

Educação 3.0

Para a diretora do Centro Educacional Maria Auxiliadora, em Brasília (DF), irmã Mônica Maria Santana, a Web 3.0 impõe inúmeros desafios à educação, sendo o principal deles “falar a linguagem dos jovens”.

“A Web 3.0 é exatamente o espaço virtual onde os nossos jovens circulam com muita facilidade Isso apresenta-se como um desafio para o educador e nós, juntos, buscamos uma solução, caminhos e horizontes em prol da formação desses jovens”, salienta.

O uso da tecnologia em sala de aula tem sido uma ferramenta fantástica, na avaliação da religiosa. Entretanto, existem alguns limites, que vão sendo transpostos aos poucos. “São limites de recursos, de domínio prático mesmo, de acesso e também de fazer essa conexão para transformar o espaço virtual em favor da educação”, justifica.

Foto de: Deniele Simões / JS

Pe. Nivaldo - Deniele Simões JS

Diretor executivo da Rede Salesiana
de Escolas, padre Nivaldo Luiz
Pessinatti, ressalta importância
de debater desafios de trabalhar
a educação ante a globalização

Em um mundo cada vez mais globalizado, onde as pessoas estão conectadas 24 horas por dia, a tecnologia em sala de aula torna-se um recurso cada vez mais presente, encurtando distâncias e aproximando as pessoas.

“Dentro da nossa plataforma existe todo o conteúdo digital, com um caderno interativo onde os jovens realizam todas atividades e que pode ser acessado pela família, para que possam acompanhar o desenvolvimento desse jovem”, explica irmã Mônica.

Protagonismo digital

A Rede Salesiana tem investido no uso da tecnologia em sala de aula desde 2011, através do Portal Futurum. Segundo Edevaldo Gaudêncio, esses recursos permitem o uso de objetos de aprendizagem como animações, simuladores e a criação de exercícios no portal.

“Em 2014, nós implantamos o livro digital, que é a saída do livro impresso e os alunos e professores já utilizam esse sistema em sala de aula”, detalha Gaudêncio.

Segundo o especialista, o livro digital usado na Rede Salesiana tem como base o material impresso, usado anteriormente, mas com recursos de vídeo, áudio, simuladores, páginas externas de internet, referências e glossários. “É um livro digital enriquecido”, aponta.

Foto de: Deniele Simões / JS

Edevaldo - Deniele Simões JS

Edevaldo Siqueira Gaudêncio, da Editora
Dom Bosco, ressalta necessidade de
romper barreiras do livro impresso como
forma de ampliar horizontes da educação

Ele acredita que o grande desafio da Rede é fazer com que o livro digital seja o protagonista dentro de sala de aula, sem a necessidade da utilização de plataformas externas. 

“Nas escolas que temos visitado, o digital é sempre visto como um sistema de apoio, não o conteúdo principal”, explica. A proposta de inovação da Rede é incrementar o uso do livro digital, através de novos recursos, com o intuito de, cada vez mais, trazer o aluno para o mundo digital e o professor para o mundo onde o aluno já está.

 

2 Comentários

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Deniele Simões, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.