Por Allan Ribeiro Em Notícias

Papa Francisco se encontra com grupo do Vale do Paraíba

Fiéis de uma paróquia de São José dos Campos (SP) tiveram um encontro especial com o Papa Francisco. Um grupo de 85 pessoas participou de uma audiência privada com o Santo Padre, no dia 5 de setembro, no Vaticano.O encontro reuniu 5.000 membros de Células de Evangelização do mundo todo. Os brasileiros entregaram ao Pontífice uma revista apresentando os trabalhos desenvolvidos pelo grupo do Vale do Paraíba.

Foto de: PASCOM / Paróquia Espírito Santo

Células evangelização - Pascom Paróquia Espírito Santo

No Vaticano, 85 pessoas de São José dos Campos (SP) participaram do encontro junto ao Santo Padre

 

Liderados pelo padre Luis Fernando Soares, os participantes levaram na bagagem a experiência de 10 anos nesse sistema novo de evangelização. Essas Células desenvolvem atividades em pequenos grupos, de no máximo 12 pessoas, que são distintos entre si e englobam, cada um deles, um perfil de público.

Esse sistema de evangelização recebeu recentemente a aprovação pelo Vaticano. A cerimônia com o Papa foi realizada para oficializar e tornar público esse posicionamento. A partir de então, o movimento tem o aval da Santa Sé para ser promovido em qualquer paróquia do mundo.

Os brasileiros levaram uma revista especial contando toda essa história do grupo com versões em português, inglês e italiano, que foi entregue em mãos ao Pontífice, por padre Luis Fernando. O conteúdo da publicação mergulhou nas histórias e testemunhos de pessoas que participam das Células e traçou uma linha do tempo contando a trajetória do sistema de evangelização em pequenos grupos no Brasil e no exterior.

“Mesmo sendo um encontro tão rápido, foi marcante. Para mim, ele trouxe um grande incentivo para continuar nesse trabalho. Foi uma emoção muito grande e uma experiência espiritual muito forte ”, recorda o pároco o momento que esteve diante do Papa.

O Pontífice convidou os membros das Células a permanecerem, sem cessar, sempre abertos a fim de serem fiéis à Palavra do Senhor e, por meio dela, superar os obstáculos no caminho da evangelização. “Encorajo-os a fazer da Eucaristia o coração da sua missão de evangelização, de modo que cada Célula seja uma comunidade eucarística, na qual o partir do pão equivale a reconhecer a real presença de Jesus Cristo no meio de nós”, exclamou Francisco.

Para Solange Carvalho, que participa há dois anos do movimento, estar diante do Sumo Pontífice foi um momento único, de muita emoção. “Foi uma emoção muito grande para todos nós. Já estávamos emocionados na expectativa do encontro com o Papa, mas ninguém tinha a verdadeira noção de como seria”, afirma.

O início desse movimento na Paróquia Espírito Santo, em São José dos Campos, contava com apenas 17 Células. Hoje, esse número ultrapassa 250 grupos. Assemelhando-se aos primeiros cristãos, essas Células são constituídas de fiéis leigos, unidos em íntima comunhão com o pastor, baseado na oração e no serviço, em constante multiplicação.

Eles se encontram uma vez por semana, exprimindo o sentido de profunda fraternidade que se abre por meio da relação pessoal entre os membros. Uma atenção especial é dada também aos que estão afastados da fé. As Células são realizadas, geralmente, na residência do líder do grupo. Durante as reuniões, discutem sobre a Palavra designada para a semana, rezam um pelos outros e promovem a convivência.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Allan Ribeiro, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.