Por Da redação Em Jornal Santuário

Senhor, o que queres que eu faça?

Neste espaço dedicado às vocações sempre aparecem algumas palavras-chave, entre elas está o discernimento, ou seja, entender o plano de Deus para sua vida. Mas será que este processo tem fim quando descobrimos nossa vocação? Depois que um jovem entra para uma família religiosa ou começa a namorar não precisa mais pensar neste assunto?

A verdade é que ouvir e responder ao chamado de Deus é um processo contínuo. Nem mesmo um casal ou um padre estão formados por inteiro, sempre é tempo de aprender e de entender sua missão no mundo. A vocação caminha ao lado da maturidade, experiências vividas ajudam o indivíduo a conhecer-se melhor e compreender seu lugar no Reino. O discernimento, portanto, não é alcançado de uma hora para outra, e também não é uma conquista definitiva.

Ao longo da caminhada na vida religiosa, homens e mulheres estão constantemente em sintonia com a Palavra de Deus, procuram rezar, fazer retiros pessoais e em comunidade, sempre em busca do autoconhecimento e da perseverança na vocação. Isso ajuda a permanecer firme nos caminhos do Senhor.

Pensando bem, este é um hábito que pode ser colocado em prática em outros ambientes com o objetivo de auxiliar leigos, jovens e famílias a encontrarem equilíbrio e certa maturidade na vocação. Quanto mais próximos de Deus, maior a chance de entendermos o que Ele quer de nós.

Como lembrou o Papa Francisco em sua mensagem pelo 53º Dia Mundial de Oração pelas Vocações, “depois do compromisso definitivo, o caminho vocacional na Igreja não termina, mas continua na disponibilidade para o serviço, na perseverança e na formação permanente”.

Acesse o site: a12.com/vocacional

1 Comentário

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Da redação, em Jornal Santuário

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.