Por Redação A12 Em Comportamento

É preciso ter medo do mercado de trabalho?

São tantos números e especulações sobre a posição dos jovens no mercado de trabalho, que fica difícil saber até que ponto se deve ou não temê-lo. E a insegurança vem desde a hora da formação (em relação a onde se deve buscar um bom preparo profissional) até o momento da procura pelo emprego.

O último relatório divulgado pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), destaca que, em 2012, 46% dos desempregados eram jovens, e que o risco de um jovem ficar desempregado no país é três vezes maior que de um adulto.

A OCDE alega que a principal medida para combater essa taxa de desemprego, é o investimento em educação.

Opinião de jovem - Uma das maiores inseguranças dos jovens que pretendem atuar em escritórios é não alcançar o devido status. Como é o caso do estudante de arquitetura e urbanismo Guilherme Penedo, de 18 anos, que espera ter um nome reconhecido no mercado. “A arquitetura exige que os clientes confiem no seu trabalho, e pretendo atuar em meu próprio escritório, ou em escritório renomado”, conta ele.

Ao ser questionado sobre o que pensa do mercado de trabalho, ele afirma: “acredito que o mercado de trabalho seja justo, sim. Está sempre disponível para quem corre atrás do seu objetivo, não acho que será fácil, será difícil e concorrido, pois vários correm atrás de emprego e renome”.

Opinião de Especialista – “Quando nós analisamos hoje, a situação se inserção do jovem no mercado de trabalho, comparativamente àquilo que tínhamos no início da década passada, a situação ésignificativamente mais favorável hoje. E apresenta uma taxa de desemprego muito menor do que nos países europeus”, afirmou o professor e economista Cláudio Dedecca, em entrevista à Rádio Aparecida.

Dedecca disse ainda que o Estado deve sim ser encarregado por educar os jovens para o mercado de trabalho, mas que essa responsabilidade deve ser compartilhada com o setor privado. A educação é fundamental para que o jovem tenha um bom desempenho.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Comportamento

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.