Por Dra. Patrícia Palandi Em Comportamento

No Dia Mundial sem Carro, confira benefícios de atividades físicas e dicas de alimentação

No dia 22 de setembro se comemora o dia mundial sem carro, comemoração que tem o objetivo de incentivar diversas atividades em defesa do meio ambiente e da qualidade de vida.

As pessoas podem perguntar qual o problema em andar de carro? Os carros são uma boa invenção, pois podem suprir necessidades, deficiências de mobilidade e nos levar a distâncias enormes.

beneficios_da_bicicleta

A questão está quando quase a totalidade dos motoristas nas cidades não apresenta nenhum problema de mobilidade e utiliza seus carros de maneira desnecessária, fazendo trajetos que não chegam nem a dez quilômetros. O que gera congestionamentos, aumento de mortes e sequelas por acidentes de trânsito, estresse, doenças cardiovasculares, sedentarismo, obesidade, poluição do ar e das águas, aumento de temperatura do planeta e, até mesmo, a degradação nas relações entre as pessoas.

Então, nesse 22 de setembro, que tal aproveitar o dia para vivenciar a cidade de outra forma realizando uma atividade saudável, como por exemplo, dar início a uma atividade física? Pode ser uma caminhada ou ir ao trabalho a pé, de bicicleta ou até mesmo utilizar o transporte público. Assim, você poderá contribuir com o meio ambiente, com a sua saúde e, até mesmo, com a locomoção daqueles que realmente precisam utilizar o carro. Além disso, se optar por elas, poderá aproveitar os benefícios que as atividades físicas podem lhe trazer, como:

- Combate ao excesso de peso;

- Melhora na autoestima;

- Diminuição da depressão;

- Diminuição do estresse e do cansaço.

E já que estamos falando sobre atividade física, precisamos ressaltar a importância de se alimentar de maneira saudável e consciente.

As refeições realizadas antes, durante e após o exercício devem ser realizadas da forma correta, pois os alimentos consumidos antes fornecem energia para a execução do treino, adiam a fadiga e melhoram a recuperação do organismo após o exercício. Então surge aquela dúvida: mas o que eu devo comer antes e depois das atividades?

Lembrando que essa orientação deve ser feita de maneira individual, mas de uma maneira geral se torna muito importante o consumo de carboidratos com baixo índice glicêmico pré atividade física, alguns exemplos são: batata doce, pão integral, inhame, macarrão integral. Em caso de frutas, sempre adicionar uma fibra (como aveia em flocos ou semente de chia).

Já no pós atividade, temos o intuito de reparar as micro lesões causadas pelo exercício físico, então se torna importante o consumo proteico, por exemplo: ovos, carne, frango e peixe são ótimas opções!

- Também colaborou com este artigo Gleidson Santos, CREF: 126111-G/SP, personal trainner e instrutor de musculação.

patricia palandi assinatura

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Dra. Patrícia Palandi, em Comportamento

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.