Medo da morte, medo de morrer, desespero (fizkes/ Shutterstock)
Crescendo na Fé

Ter medo da morte é pecado?

Dante Ricardo Carrasco Aragón (Arquivo pessoal)

Escrito por Dante Aragón

06 MAI 2021 - 10H14 (Atualizada em 06 MAI 2021 - 10H38)

Jesus venceu a morte. Por isso, não precisamos ter medo dela. Porém, não querer morrer é um sentimento natural.

É importante saber diferenciar a ansiedade do medo.

O medo sempre vai aparecer em nossas vidas: ele aparece quando, por exemplo, um cão na rua ou uma moto, vem até nós de forma intempestiva ou quando temos o risco de perder o trabalho. Sim, até o medo da própria morte...  O medo é uma sensação que vem do mais íntimo de cada um ou vem de fora de nós. É uma emoção primária, pois é uma resposta emocional diante de uma situação de ameaça presente ou futura.

A ansiedade é uma impressão interior de temor, de angústia, poderia ser também algo patológico. A ansiedade é a resposta emocional que se antecipa a uma ameaça futura. Esta resposta emocional vai acompanhada de uma tensão somática.

Nem medo nem ansiedade, em si, são pecados, incluindo no que diz respeito à morte, mas podem ser quando chegam ao ponto de nos afastar de Deus.

Leia MaisÉ preciso ter medo do mercado de trabalho?O medo na juventudeCair num estado permanente de ansiedade pela morte pode, sim, chegar a fazer-nos pecar, pois não estaríamos colocando Deus em primeiro lugar. Para isso, penso que a nossa doutrina nos deixa vários ensinamentos:

- Sabemos que um dia iremos morrer, mas que a morte para o cristão não é o fim, mas o trânsito para um novo estado de vida, segundo nos revelou o Senhor Jesus.

Shutterstock
Shutterstock


- Após a nossa morte, seremos julgados por nossas obras, pelo bem e o mal que fizemos. E, segundo nossas obras, mereceremos a vida eterna ou a “morte” eterna.

- Aqueles que morreram em estado de graça, em amizade com Deus e purificados de seus pecados por seu esforço de santidade, entrarão no Céu, na comunhão divina com Deus, para sempre, e irão alcançar a felicidade plena.

- Aqueles que morreram em amizade com Deus, mas não se purificaram totalmente, irão ao purgatório purificar-se e ficarem prontos para a entrada gozosa no Reino dos Céus.

- Aqueles que, em sua vida, deram conscientemente as costas a Deus e desprezaram Seu amor, e que, ainda mais, morreram em pecado mortal, sem arrependimento e sem confiar na Misericórdia Divina, se condenam ao inferno, onde viverão o afastamento total de Deus, comunhão de Amor.

Leia MaisEstá com medo do coronavírus? Esses 12 versículos são para você!A morte para os cristãos deve ser uma ocasião de olhar o futuro e aguardar, com paciência, esperança e confiança, as promessas feitas pelo Senhor Jesus: “Eu os ressuscitarei no último dia”. A morte não deve gerar em nós medos ou angústias.

Devemos aproveitar muito bem nossa vida terrena para que, nos desenvolvendo autenticamente segundo o Plano de Deus, alcancemos, pela graça de Cristo, os méritos de poder participar da vida infinita gozando da felicidade plena. Com todas estas dicas e com a ajuda de Deus, nós poderemos, sim, superar o medo da morte!

Escrito por
Dante Ricardo Carrasco Aragón (Arquivo pessoal)
Dante Aragón

Dante Aragón, nasceu no Perú, é administrador, mestre em psicologia, especialista em antropologia cristã e participa do Movimento de Vida Cristã em Petrópolis (RJ), desde 2003

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Jovens de Maria, em Crescendo na Fé

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.

Bem vindo!


Para completar seu cadastro, por favor, verifique seu e-mail e defina sua senha.
Caso não encontre o e-mail na sua caixa de entrada, por favor, verifique na caixa de SPAM/TRASH/LIXO ELETRÔNICO.