Por João Antônio Johas Leão Em Artigos

"Re-começar" - parte 2

Shutterstock
Shutterstock


Continuando nossa conversa que parou aqui... terminei meu Mestrado estudando Emmanuel Lévinas. Achei que tinha entendido alguma coisa dele, mas ao continuar lendo, percebi quantas perguntas ainda tenho por investigar e aprofundar. É o que me traz a esse lugar, de volta ao A12. De forma muito amável, me concederam este espaço, que pretendo utilizar como uma forma de diálogo, para deixar fluir algumas ideias e inquietações que tenho. Falaram-me para escrever sobre “o que eu quiser”, e desejo seguir essa orientação à risca. Gostaria de recomendar alguns livros que leio, dar vazão às meditações que surgem das leituras e, sobretudo, criar algo que tenha a minha voz, que me parece ser a única maneira relevante de, no final das contas, fazer silêncio e deixar Deus falar. (Confuso? Não desista de mim! Já estamos acabando por hoje, prometo!)

Só tem uma distinção que quero fazer ainda. Filósofos adoram distinções. Eu não me considero filósofo, mas algumas distinções acho que são importantes. Não sou um criador de conteúdo. Pelo contrário, almejo escrever alguma coisa. E ser escritor é, ao meu modo de ver, o contrário de ser um criador de conteúdo. E isso tem a ver com uma antropologia cristã profundamente inspirada em Fabrice Hadjadj, um filósofo que eu gosto muito e que vai aparecer demais nos meus textos. Um escritor não está preocupado com SEO (Procura no Google se não sabe o que é) nem com aparecer nos Trending Topics do Twitter. Ele tem algo dentro que urge por nascer, mesmo que não saiba muito bem o que é. E eu gostaria da ajuda de vocês para fazer isso nascer.

Em geral, vou falar sobre filosofia, ética, estética, educação e tecnologia (talvez uma das reflexões mais importantes hoje em dia). Não porque seja expert nessas áreas, apesar de ser, digamos, especialista nessas coisas, de acordo com os papéis que dizem quem eu sou, vulgo "meu currículo". Mas gostaria de escrever pensando junto com vocês e, por isso, espero que possamos interagir de alguma forma aqui nos comentários e, quem sabe, em outros meios mais para frente.

Vou parar por aqui. Hoje já indiquei um livro e esbocei uma distinção importante. Quem sabe continue por esse fio nos próximos textos. Ou, se você tiver uma ideia interessante, não deixe de comentar! 👇

Escrito por
João Antonio Johas Leão (Arquivo pessoal)
João Antônio Johas Leão

Licenciado em filosofia, mestre em direito e pedagogo em formação. Pós-graduado em antropologia cristã e entusiasta de pensar em que significa ser cristão hoje.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Jovens de Maria, em Artigos

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.