Por Jovens de Maria Em Notícias Atualizada em 05 ABR 2019 - 09H49

CNBB escolhe novos bispos referenciais para a juventude do Brasil

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil escolheu novos referenciais para a juventude em sete regionais do Brasil. Os bispos passam a fazer parte da Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude (CEPJ) da CNBB.

Segundo a organização da CNBB, o Brasil está dividido em 18 regionais e cada uma possui um bispo referencial para a juventude. Junto aos outros membros da CEPJ, eles propõem orientações para a evangelização da juventude, acompanham e avaliam a ações realizadas ao longo do ano em todo o país.

Jovens Conectados
Jovens Conectados

Confira os novos bispos referenciais para as sete regionais:

Norte 1 – Dom Edmilson Tadeu;

Norte 2 – Dom Antônio de Assis Ribeiro;

Nordeste 1 – Dom Júlio Cesar Souza da Silva;

Nordeste 4 – Dom Francisco de Assis Gabriel dos Santos;

Sul 1 – Dom Antônio Emídio Vilar;

Sul 2 – Dom Amilton Manoel da Silva;

Oeste 2 – Dom Juventino Kestering;

Compõem também a Comissão Episcopal para a Juventude da CNBB, de 2019 a 2022, os referenciais regionais que permanecem em suas funções:

Norte 3 – Dom Giovane Pereira de Melo;

Nordeste 2 – Dom Antônio Carlos Cruz;

Nordeste 3 – Dom Estevam dos Santos Silva Filho;

Nordeste 5 – Dom Vilsom Basso,scj;

Leste 1 – Dom Nelson Francelino Ferreira;

Leste 2 – Dom Cláudio Nori Sturm;

Sul 3 – Dom Adelar Baruffi;

Sul 4 – Dom Odelir José Magri;

Centro- Oeste – Dom Adair José Guimarães;

Oeste 1 – Dom Luiz Gonçalves Knupp;

Noroeste – Dom Benedito Araújo.

Comissão para a Juventude – Criada em 2011, a Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), é o espaço que articula, convoca e propõe orientações para a evangelização da juventude, respeitando o protagonismo juvenil, a diversidade dos carismas, a organização e a espiritualidade para a unidade das forças ao redor de algumas metas e prioridades comuns (CNBB, Doc. 85, n. 193) à luz do Documento 85 “Evangelização da Juventude”, das Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil e do Documento de Aparecida.

A Comissão foi criada por decisão da 49ª Assembleia Geral da CNBB, em maio de 2011, a partir do Setor Juventude, anteriormente vinculado à Comissão Episcopal Pastoral para o Laicato.

Fonte: Com informações de Jovens Conectados

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Jovens de Maria, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.