Por Redação A12 Em Notícias Atualizada em 17 JUL 2018 - 14H47

No Panamá, famílias querem acolher jovens peregrinos para JMJ 2019

O Secretário Executivo da JMJ Panamá, Víctor Chang, junto com Luis Ponce, da direção de logística disse aos sacerdotes, religiosos e religiosas da Arquidiocese do Panamá que desde o anúncio do Papa Francisco ao final da JMJ Cracóvia de que o Panamá sediaria o próximo encontro mundial da juventude, centenas de famílias ofereceram-se para acolher em suas casas os jovens peregrinos que chegarão ao país em 2019.

:: Dicas para se preparar financeiramente para a JMJ 2019

Chang antecipou que as paróquias serão as responsáveis em coordenar os alojamentos e distribuir os peregrinos entre as “Famílias de Acolhida” e acrescentou que em 12 de janeiro de 2017, será realizado o primeiro encontro com ao menos dois representantes de cada paróquia.

JMJ Panama Jornada Mundial da Juventude

Em recente visita ao Panamá, o Prefeito do Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida, Cardeal Kevin Farrel - responsável pela JMJ 2019 - indicou que o evento “será um momento histórico para a Igreja e para a nação”.

Ademais, reiterou que os panamenhos “têm um coração muito grande”, “são um povo aberto a todos” e “têm a capacidade” de receber este evento.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.