Por Jovens de Maria Em Notícias

Universidade oferece programa de preparação para o matrimônio

Já pensou numa universidade que ao invés de afastar os jovens de sua fé, os aproxima da vida cristã? Assim é o Benedictine College de Atchison, Estados Unidos, onde o curso de preparação para noivos é apenas uma das atividades desenvolvidas como evangelização da cultura.

O objetivo de curso de preparação é dar aos seus estudantes ferramentas suficientes para ter matrimônios fortes e saudáveis. O programa de preparação inclui estudos, encontros regulares com os capelães universitários, casais de mentores, livros, treinamento financeiro, uma Bênção Papal e um crucifixo da Terra Santa no dia do matrimônio.

benedictine_college

"A educação católica fiel comunica a verdade e a beleza da realidade do amor. Mas muitos jovens hoje experimentam a insatisfação e o vazio de um amor que busca o prazer", explicou David Trotter, Diretor do Ministério e Missão do Benedictine College.

Segundo explicou Trotter, entre 20 a 30 casais participam de alguma forma da preparação do matrimônio através do ministério disposto na universidade a cada ano e é frequente que os sacerdotes capelães celebrem ou concelebrem as bodas dos que realizaram o processo.

 

85% dos estudantes se separa da sua Fé enquanto está na universidade. No Benedictine College, 90% do estudantes afirma que cresceu na Fé durante a graduação.

O modelo seguido pela universidade está baseado em quatro pilares: comunidade de amor, escola de virtude, Igreja doméstica e célula vital da sociedade. Estes pilares inspiram as políticas, procedimentos e programas que se põem em prática na universidade. "Dormitórios para um só sexo e horas de visita", explicou o Diretor do Ministério, "oferecem o ambiente para educar aos estudantes sobre como construir relações saudáveis".

Professores do curso dão testemunho de modelo familiar

Além de oferecer estas ferramentas de formação e um ambiente favorável, a universidade se propôs que os professores sejam testemunho do que deve ser uma família. "Seja trazendo às suas famílias à Missa cotidiana no campus, convidando aos estudantes a jantar, oferecendo assessoria aos jovens casais comprometidos, participando em programas como o 'Jogo dos recém-casados' ou trazendo as suas famílias aos eventos", os professores são exemplo poderoso de matrimônios e famílias cheias de Fé, segundo afirmou Trotter.

O desafio através de todas suas ações leva a cabo a evangelização da cultura que começa pelos mesmos estudantes. "Os estudos mostram que 85 por cento dos estudantes se separa da sua Fé enquanto está na universidade. No entanto, no Benedictine College, 90 por cento dos nossos estudantes afirma que cresceu na Fé durante seus anos de graduação", indicou o Diretor de Ministério, que destacou como o Papa Francisco afirma que "as escolas católicas que sempre buscam unir seu trabalho de educação com a proclamação explícita do Evangelho, são o recurso mais valioso para a evangelização da cultura". 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Jovens de Maria, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.