Por Polyana Gonzaga Em Brasil

Acidentes domésticos com crianças: como prevenir?

Foto de: Ministério da Saúde

É importante manter o cabo da panela
voltado para dentro do fogão.

Acidentes domésticos como afogamentos, quedas, queimaduras e intoxicações ainda são a principal causa de morte de crianças de até 9 anos no Brasil. Os dados são do Sistema de Vigilância de Violência e Acidentes do Ministério da Saúde (SIM – Sistema de Informação sobre Mortalidade).

Segundo o Ministério da Saúde, todos os anos, cerca de 4,7 mil crianças morrem e 125 mil são hospitalizadas vítimas de acidentes no Brasil. Estas lesões ocorrem devido à falta de cultura de prevenção, informação, cuidados no dia-a-dia, ausência de ambientes adequados à criança e leis específicas.

De acordo com a organização não governamental, sem fins lucrativos, CRIANÇA SEGURA, que trabalha na prevenção de acidentes com crianças e adolescentes de até 14 anos, a prevenção é a principal saída para a problemática dos acidentes.

Dicas da CRIANÇA SEGURA para um ambiente seguro.

 

Você sabia que os acidentes são a principal causa de mortes de crianças de 1 a 14 anos no Brasil? A boa notícia é que 90% dos casos podem ser evitados.

 Ações educativas; modificações no meio ambiente e a criação e cumprimento de legislação e regulamentação específicas são apontados pela ONG como atitudes preventivas que podem reduzir em pelo menos 90% dos acidentes. 

Veja como prevenir acidentes domésticos.

A Pastoral da Criança também assinala dicas para prevenção de acidentes comuns na infância. Veja as orientações:

 Banho e afogamento

Cuidado com tanques, piscinas descobertas, banheiras, poços de água, baldes e bacias. Procure deixar a criança longe desses locais e objetos.

Na hora do banho, nunca deixe a criança sozinha na banheira. Deixe todo o material de higiene, toalha e roupa da criança separados antes do banho. Caso precise se ausentar, retire a criança da banheira, enrole na toalha e leve junto.

  Perigos na cozinha

Quando a criança começa a engatinhar, ficar em pé e caminhar, é comum seguir a mãe. Nunca deixe a criança sozinha na cozinha e procure sempre deixar a porta fechada para evitar acidentes.

É comum as crianças sofrerem queimaduras por causa do fogão e forno ligado, com água e panelas quentes. Deixe sempre os cabos das panelas voltados para dentro do fogão.

  Tomadas e fios elétricos

Cubra as tomadas com protetores e tire os fios elétricos do alcance das crianças, pois podem provocar choques elétricos.

Ensine as crianças, desde pequenas, que não se deve colocar o dedo ou outros objetos nas tomadas.

Intoxicação

As crianças são curiosas e adoram mexer em tudo. Para evitar esse tipo de acidente, evite armazenar produtos de limpeza em garrafas PET de refrigerantes; não deixe produtos tóxicos ao alcance e guarde remédios em lugares altos e fechados.

Caso ocorra a ingestão de algum produto, não ofereça nada para a criança e não provoque o vômito. A criança deve ser levada imediatamente ao pronto-socorro e os pais devem levar uma amostra da substância ingerida.

Engasgos

Crianças pequenas costumam levar objetos estranhos à boca e é comum ocorrerem engasgos ou sufocamento. Para evitar, não deixe objetos pequenos por perto, verifique a indicação etária dos brinquedos e descarte os brinquedos quebrados. Caso ocorra o engasgamento, estimule a criança a tossir e só tente retirar o objeto se estiver à mostra. Caso contrário, leve imediatamente a um pronto-socorro.

Cortes

Não deixe ao alcance das crianças facas, canivetes, estiletes e outros objetos que  possam ocasionar cortes ou perfurações. Caso ocorra o acidente, lave o local com água corrente e tente estancar o sangue com um pano limpo. Não coloque remédios ou receitas caseiras, pois podem infeccionar ou dar alergia. Leve a criança até um médico que definirá se o corte precisará de pontos ou não.

Serviço - Telefones Úteis:

Pronto Socorro: 192

Bombeiros: 193

Polícia: 190

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Polyana Gonzaga, em Brasil

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.

Bem vindo!


Para completar seu cadastro, por favor, verifique seu e-mail e defina sua senha.
Caso não encontre o e-mail na sua caixa de entrada, por favor, verifique na caixa de SPAM/TRASH/LIXO ELETRÔNICO.