Por Redação A12 Em Santo Padre

Homem e mulher "possuem a mesma natureza e são complementares", diz Papa na catequese

Na catequese desta quarta-feira, 22, o Papa Francisco deu continuidade ao tema tratado na semana passada: complementaridade entre homem e mulher. O Papa também também lembrou o Dia Internacional da Terra e pediu respeito ao meio ambiente. 

Em sua palavra, o Santo Padre refletiu sobre o segundo capítulo do Livro do Gênesis:

 

O Papa sublinhou que a mulher não é uma “réplica” do homem e que a imagem da criação, relatada pelo livro do Gênesis, não implica “inferioridade ou subordinação”.

"No livro do Gênesis, lemos que inicialmente Adão, o primeiro homem, sentia-se sozinho, mesmo vivendo cercado de tantos animais. Querendo pôr remédio à sua solidão, Deus lhe apresenta a mulher, que o homem acolhe exultante, como um ser igual. Com a imagem bíblica da costela de Adão, da qual Eva é plasmada por Deus, não se quer afirmar uma inferioridade da mulher ― ela não é uma réplica do homem ―, mas expressa uma reciprocidade entre eles: possuem a mesma natureza e são complementares", enfatizou o Pontífice. 

Contudo, por sugestão do maligno, os dois são tentados pelo delírio da onipotência e desobedecem a Deus, frisou Francisco. "Este pecado rompe a harmonia que existia entre eles, gerando desconfiança, divisão, prepotência. Machismo, instrumentalização do corpo feminino e recusa a viver uma aliança, na diferença e complementariedade, entre o homem e a mulher são consequências dessa desarmonia", acrescentou. 

No entanto, Deus não abandona o homem e a mulher após o pecado, sublinhou o Santo Padre. "Assim, seguindo o exemplo de Deus, também os cristãos devem buscar curar as feridas nas relações e recuperar o valor do matrimônio e da família", completou.  

O Papa Francisco reforçou ainda a sua preocupação com a necessidade de respeitar e promover o papel das mulheres, na Igreja e na sociedade, alertando para as manifestações de machismo e de discriminação que as afetam.

“Pensemos nas múltiplas formas de machismo em que a dona era considerada como de segunda classe. Pensemos na instrumentalização e mercantilização do corpo feminino na atual cultura mediática”, referiu.

O Papa recordou por várias vezes as famílias em dificuldades, inclusive na saudação aos peregrinos de língua portuguesa.

“Rezai por todas as famílias, especialmente aquelas que passam por dificuldades, na certeza de que as famílias são um dom de Deus e o fundamento da vida social”, apelou.

Dia Internacional da Terra

Ao final da catequese, o Papa associou-se à celebração do Dia da Terra, pedindo respeito pela natureza para contrariar a exploração dos recursos naturais que compromete o futuro.

“Que a relação dos homens com a natureza não seja guiada pela cobiça, pela manipulação e a exploração, mas conserve a harmonia divina entre as criaturas e o criado, na lógica do respeito e do cuidado, para a colocar ao serviço dos irmãos, também das gerações futuras”. 

Francisco deixou ainda um apelo para que todos saibam “ver o mundo com os olhos de Deus Criador: a terra é o ambiente a proteger e o jardim a cultivar”.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Santo Padre

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.