Por Jovens de Maria Em Notícias

Assessor da Comissão para a Juventude fala sobre etapas do #Rota 300

O Projeto #Rota300 nasceu da parceria entre a CNBB e o Santuário Nacional para preparar a juventude brasileira para o Jubileu de 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora Aparecida, a ser celebrado em 2017.

Padre Antônio Ramos do Prado (Toninho) é assessor da Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude da CNBB e um dos responsáveis pelo #Rota300. Em conversa com o Jovens de Maria, ele explicou sobre as próximas etapas de desenvolvimento do projeto e destacou alguns pontos importantes a serem trabalhados. Além disso, Padre Toninho conta como você pode se tornar parte deste projeto aí na sua diocese.

projeto_rota_300_1

Jovens de Maria – A CNBB tem focado o Rota 300 em suas atividades. Este projeto é, de fato, a prioridade nos trabalhos com a juventude brasileira?

Padre Toninho – Durante a Assembleia Nacional dos Bispos do Brasil, nós avaliamos o caminho de preparação para a Jornada Mundial da Juventude e a própria JMJ – período de 2011 a 2013. Então, nós lançamos, naquela Assembleia, três eixos de trabalho com a juventude: missão, capacitação e acompanhamento de jovens. A partir desses eixos, entrando em sintonia com o Santuário Nacional, com os 300 anos da Mãe Aparecida, a gente construiu o projeto Rota 300, que é esse canal de evangelização com a juventude a partir da espiritualidade mariana.

Por isso, durante o Encontro Nacional de Adultos Responsáveis pela Juventude, tivemos um dia todo dedicado a este projeto. No primeiro momento, tivemos uma contextualização, fizemos o estudo do documento Rota 300 e realizamos um trabalho por regional da CNBB. Depois disso, colhemos as experiências dos regionais e, por fim, discutimos a parte do encerramento do Rota 300 em 2017, como ele vai ser, como serão as missões no entorno do rio, no Vale do Paraíba, local em que foi encontrada a imagem de Nossa Senhora Aparecida.

JM – Em qual etapa de desenvolvimento está o projeto Rota 300?

A partir de agora, cada regional monta seu projeto pastoral à luz do Rota 300 e depois faz acontecer isso nas dioceses. Então, no Encontro Nacional em Aparecida, eles discutiram as ideias gerais, agora eles voltam para o seu regional e nas dioceses discutem as ideias centrais dos três eixos. Ali, então, será elaborado o projeto diocesano do Rota 300, em cima desse documento oficial.

JM – Quais eixos de atuação se colocam como prioridade para os regionais?

Padre Toninho – A maioria dos regionais pegou, de maneira especial, o eixo da missão, por meio do qual os jovens irão fazer as experiências missionárias nas próprias dioceses, depois regionalmente e, por fim, nacionalmente, na Amazônia, então é esse o caminho. A escolha desse eixo de missão se deu como prioridade principalmente porque ele atinge de forma mais próxima o jovem.

O segundo eixo que eles colocaram como prioridade é a capacitação de adultos para acompanhar a juventude, porque, à medida com que você desperta os jovens na missão, você precisa passar a acompanhá-los. Então, esses foram os dois pontos fundamentais que praticamente todos os regionais discutiram.

JM - Como participar desse projeto em nossas dioceses?

Padre Toninho – Em cada diocese existe o Setor Juventude Diocesano e todos estes estão recebendo os materiais do Rota 300, então esse é um canal. O segundo canal é o site Jovens Conectados (Comissão para a Juventude da CNBB), porque ali nós vamos ter um hotsite do Rota 300, que deve ser inaugurado daqui uns 20 dias, e ali haverá materiais, orientações, vídeos, músicas da missão, enfim, haverá todas as orientações, além das imagens daquilo que já está acontecendo no Brasil com a peregrinação da imagem de Nossa Senhora Aparecida nas dioceses.

- Faça aqui o download do material que explica passo a passo como se dá a Missão Jovem dentro do Projeto Rota 300

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Jovens de Maria, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.