Por Rádio Aparecida Em Notícias

Entenda as principais mudanças da reforma trabalhista

Direitos e deveres do trabalhador_rádio aparecida

A reforma Trabalhista já foi aprovada e entra em vigor a partir de novembro, com isso algumas mudanças podem afetar a vida do trabalhador.

O advogado, Thiago Gomes, professor de direito explicou à Rádio Aparecida as principais mudanças da reforma trabalhista.

Thiago falou que a reforma trabalhista será aplicada a contratos do regime CLT (Consolidação das Leis de Trabalho), sendo assim não se aplica aos estatutários, servidores públicos.

A contribuição sindical passa a ser facultativa, ou seja, o trabalhador vai optar se quer ou não contribuir com o valor de um dia de trabalho no ano para o sindicato de sua categoria.

Com a reforma trabalhista em vigor, Thiago acredita que aumente as terceirizações e trabalho home office.

Seguro desemprego, 13º salário e Fundo de Garantia são direitos que permanecem garantidos mesmo após a reforma.

A partir da reforma, o trabalhador terceirizado terá alguns direitos idênticos aos dos trabalhadores da empresa contratante do serviço terceiro.

Na opinião do advogado a reforma trabalhista tem pontos positivos e negativos.

“Em alguns casos, o trabalhador estará exposto, por exemplo, agora a gestante com atestado médico poderá trabalhar em locais insalubres, mas por outro lado, vimos que a ideia de que eu entrei num trabalho e agora posso ficar tranquilo, isso mudou, acredito que o tempo para ficar em uma empresa vai reduzir, já que os contratos poderão ser mudados, então vai forçar o trabalhador a se qualificar, mais qualificado tem mais possibilidade de progredir na carreira”, comparou.

Confira a entrevista completa:

 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Rádio Aparecida, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.