Por Beatriz Nery Em Notícias

Entenda pedido de estados brasileiros por reforço da segurança durante eleições

Shutterstock
Shutterstock

Leia MaisEntenda as principais ideologias dos partidos políticosCientista política analisa a representatividade feminina nas eleiçõesConheça aplicativo que auxilia na cobrança dos políticos eleitosQuatro estados terão segurança reforçada durante as eleições de outubro. O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) aceitou pedidos dos estados de Rio de Janeiro, Maranhão, Piauí e Acre para aumento do efetivo de tropas para cada local.

A decisão do TSE vem de encontro com decreto editado em maio pelo presidente Michel Temer, que autorizou o emprego das forças armadas para garantia da lei e da ordem na votação e apuração do pleito de 2018.

No Rio de Janeiro as tropas serão reforçadas em 41 municípios. Desde fevereiro, o estado mantem uma intervenção militar. Marcos Rolim é sociólogo e especialista em segurança pública e analisa a preocupação voltada ao Rio. “Possivelmente o Rio acaba tendo sempre essa preferência por medidas dessa natureza porque ali a presença das forças armadas se torna rapidamente visível no Brasil inteiro. A preferência é de ordem politica do que por locais mais violentos que outros”.

Veja sua análise sobre segurança durante as eleições de 2018:

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Beatriz Nery, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.