Por Rádio Aparecida Em Notícias

Governo sabe que será difícil votar reforma da Previdência no ano que vem e antecipa o calendário


O calendário é apertado, o quórum é qualificado, mas mesmo assim o Governo vai tentar votar a Reforma da Previdência, mesmo reconhecendo que não tem hoje 3/5 dos votos, ou seja, 3 em cada 5 parlamentares devem aprovar a proposta, caso contrário o destino da Reforma da Previdência vai ser o arquivamento.

Quanto ao calendário, ontem, 08, o vice-líder do Governo, Deputado Darcísio Perondi (PMDB - RS) reconheceu que é apertado, mas o parlamentar sustenta que já há um certo consenso de alguns pontos analisados na Comissão Especial e que mesmo que não seja uma reforma ampla, o Governo vai apresentar uma redação mais enxuta tirando fora os pontos mais polêmicos e propondo à câmara dos Deputados alternativa de Reforma da Previdência.

Confira mais informações com Romoaldo de Souza.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Rádio Aparecida, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.