Por Andresa Custódio Em Notícias

Molho, extrato ou polpa de tomate, qual escolher?

 

O molho de tomate é processado, muitas vezes temperado com azeite, alho, manjericão e cebola. Ele é pronto para o consumo.

A polpa de tomate é o tomate processado, que deve ser temperado antes de usar. Já o extrato de tomate é a polpa concentrada, deve ser diluído e temperado.

 

Qual é o melhor molho de tomate? Nenhum desses é recomendado, pois todos são acrescidos de sal, açúcar e conservantes que podem fazer mal à saúde. O molho de tomate pelado é o que possui menos sódio e menos ingredientes quando comparado a outros molhos. O ideal é fazer o molho de tomate em casa. Você utiliza tomates frescos e pode temperar como preferir: cebola, alho, manjericão, orégano, para deixá-lo do seu gosto. E ele pode ser congelado depois de pronto.

 

A principal diferença entre o molho pronto e o feito em casa é em relação ao sódio. Uma colher de sopa de molho de tomate caseiro tem em média 5 mg de sódio, considerando apenas o tomate sem adição de sal. Já um pronto tem em média (dependendo do sabor) 120 mg de sódio.

 

Se for inevitável comprar um molho pronto, a dica é observar bem o rótulo. É importante verificar a quantidade de açúcar, glutamanto monossódico (realçador de sabor) e o teor de sódio, principalmente entre os sabores. E também comparar o mesmo molho entre os fabricantes, pois pode haver diferenças.

 

Fonte: Bolsa de Mulher 

 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Andresa Custódio, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.