Por Rádio Aparecida Em Notícias Atualizada em 20 OUT 2020 - 11H40

Violência no Brasil aumenta mesmo com pandemia

Shutterstock
Shutterstock

Ouça a reportagem ou, se preferir, leia:

Dados do Anuário Brasileiro de Segurança Pública, divulgados no início desta semana, revelam que a violência voltou a crescer no Brasil, após dois anos de queda. O país registrou 25.712 mortes violentas nos primeiros seis meses deste ano, aumento de 7,1% em relação ao mesmo período de 2019, o que chama a atenção, principalmente pela diminuição de circulação de pessoas em razão da pandemia de coronavírus.

Agora com relação aos dados fechados de 2019, o que merece destaque são as mortes causadas por intervenção policial, que mantiveram tendência de aumento, bem como o número de policiais mortos em serviçoDavid Marques, coordenador de projetos do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, afirma que os números apontam para crescimento de mortes por intervenção policial desde o inicio do acompanhamento do levantamento.

Dados consolidados de 2019, também apontam para desigualdade racial, em que a maioria das mortes violentas entre jovens e adolescentes são de pessoas negras.

- Foram quase 5 mil mortes, sendo que 75% delas de jovens negros.

Para o coordenador de projetos do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, o racismo fica mais latente quando se olha pela ótica da violência. E obviamente que a desigualdade racial é vista com mais luz dentro dos presídios brasileiros.

- Em 15 anos, a proporção de negros no sistema carcerário cresceu 14%, enquanto a de brancos diminuiu 19%.

Em 2005 eram 62 mil brancos no sistema prisional, representando 39,8%, em comparação com os 91 mil negros, ou seja, 58,4%.

- Já em 2019, o número saltou. Eram 212 mil brancos, representando 32%, e 438 mil negros, subindo para 66,7% da população carcerária.

David Marques, coordenador de projetos do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, explicar o que pode ter motivado esse aumento.

🔊 Gostou desse podcast? Compartilhe com os amigos e ouça mais conteúdos!
Na parte superior da página (logo abaixo do título) clique no botão do WhatsApp ou das demais redes sociais.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0
Receba novidades

Cadastre seu e-mail e receba notícias diariamente

Parabéns, seu cadastro foi efetuado com sucesso!
Você deve receber nossas novidades em breve.

Ops, tivemos um possível erro no cadastro de seu e-mail.
Tente novamente por favor.

Tentar novamente
Facebook

Boleto

Carregando ...

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Rádio Aparecida, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.

Carregando ...