Por Cankin Ma Lam Em Espiritualidade Atualizada em 25 JUN 2019 - 15H38

Como é possível que anciãs ou estéreis tenham dado a luz?

Shutterstock
Shutterstock

Quando estudamos a Bíblia, uma primeira informação importante é lembrar o fato de que o Livro não “caiu do céu” já pronto. Os estudiosos nos relatam as diversas tradições orais e escritas que foram parte da vida do povo de Deus e que, após muitos anos, tomou a forma que hoje temos disponível. Isso tudo sob a guia e inspiração do Espírito Santo.

Leia MaisQual era a relação de Jesus com as mulheres de seu tempo?Seja qual for a especificidade do caminho que deu forma às Sagradas Escrituras, o que é claro é que elas apontam para Cristo, de fato "o mediador e a plenitude de toda a Revelação"*. Dito isso, voltemos à pergunta inicial, que na verdade pode ser reformulada: por que mulheres da Bíblia deram à luz sendo idosas ou estéreis?

De forma concreta, talvez venha à nossa mente a história de Sara, a mãe de Isaac (Gn 17,17), e Isabel, mãe de João Batista (Lc 1,24). Junto delas também Manué, mãe de Sansão (Jz 13,2) ou Ana, mãe de Samuel (1Sm 1,5). Pois bem, deve ser dito que numa perspectiva tipológica** todas elas apontam para o sinal definitivo que é Cristo, nascido da Virgem Maria. Pois, ainda mais surpreendente que uma mulher estéril ou idosa conceber, é o fato de uma mulher conceber sem concurso de varão, e que o fruto bendito do ventre dela seja verdadeiramente o Filho de Deus.

Pensemos na contemporaneidade da gravidez de Isabel e de Maria. Na verdade, a gravidez de Isabel na velhice foi colocada pelo anjo como um sinal para Maria (Lc 1,36). Tanto em Isabel como em Maria (e nas demais mulheres citadas) era manifesto que "para Deus, com efeito, nada é impossível" (Lc 1,37).

Sobre o relato da gravidez de Isabel em particular, um comentário bíblico cita um estudioso para afirmar que "não existe nada de improvável na concepção de que Zacarias e Isabel tiveram um filho em um período relativamente tardio de suas vidas e que este evento foi interpretado à luz de outros similares no Antigo Testamento"***.

Enfim, leiamos esses testemunhos bíblicos no que eles têm a nos dizer sobre Cristo e sobre o senhorio de Deus sobre todas as coisas. Não tanto para demandar sinais (na linha dos prodígios realizados por Deus nessas mulheres), mas para nos abrirmos ao chamado específico que Deus faz para cada um de nós, para sermos partícipes dos diversos caminhos pelos quais Deus quer Se manifestar ao mundo.

* Dei Verbum (Constituição Dogmática do Concílio Vaticano II), nº 2

** Ver Catecismo da Igreja Católica 128-130

*** Novo Comentário Bíblico São Jerônimo 43:15

Escrito por
Cankim Ma Lam (Arquivo Pessoal)
Cankin Ma Lam

Nascido no Equador, filho de pai chinês é apóstolo de plena disponibilidade no Sodalício de Vida Cristã. Atualmente faz caminho ao sacerdócio e estuda teologia na Universidade Católica de Petrópolis

1 Comentário

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Espiritualidade

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.