Por Marília Ribeiro Em Notícias Atualizada em 20 SET 2017 - 11H50

Veja o trono da Mãe Aparecida para a Festa dos 300 anos

Santuário Nacional
Santuário Nacional
O Santuário de Aparecida fez nesta quarta-feira, dia 13, o teste do trono que irá sustentar a imagem de Nossa Senhora Aparecida durante as festividades dos 300 anos da Padroeira do Brasil, em outubro.

O trono feito em acrílico traz a figura dos três pescadores, fazendo memória aos responsáveis pelo encontro da imagem no rio Paraíba do sul há 300 anos. A peça tem 1.65 de altura e 2.05 de diâmetro e contará com uma iluminação de led em toda base e no apoio, onde ficará a imagem de Aparecida, que também terá movimento giratório.

Segundo padre Rodrigo Arnoso, prefeito de Igreja do Santuário de Aparecida, o trono foi feito em acrílico para remeter a fragilidade humana.  “Somos frágeis, mas ao mesmo tempo, abençoados por Deus. Um dos sinais dessa bênção é a presença de Nossa Senhora no nosso meio, Ela é uma carta de Deus para todos nós e ela como mãe, com o seu manto protege todos os seus filhos.”

O trono será uma composição da imagem dos três pescadores, os frascos com as porções de terra dos estados brasileiros e o Distrito Federal e as ânforas com as águas recolhidas nos principais rios e bacias hidrográficas do Brasil.

Entenda o significado do trono de Aparecida com a explicação do Padre Rodrigo Arnoso:

* Temos os três pescadores, que representam aqueles que tiraram a imagem do rio Paraíba do Sul. Nós somos chamados também a nos enxergarmos hoje neles, que entregaram a nós, essa missão de propagar a devoção a Nossa Senhora Aparecida.

* A  porção de terra significa presença de todos os estados do Brasil e do Distrito Federal, aqui no Santuário de Aparecida. As porção também estão depositadas na coroa jubilar, que será colocada na imagem de Aparecida no dia 11 de outubro, durante a coroação solene.

* Ânforas com as águas recolhidas de todos os rios e bacias hidrográficas do Brasil serão colocadas ao lado do Trono. A coleta das amostras de água foi realizada pela Marinha do Brasil, como sinal da participação daqueles que cuidam dos rios e das águas do Brasil.

“Queremos com esses sinais recordar dois fatos: fomos feitos da terra, da terra viemos e para a terra retornaremos. A imagem de Nossa Senhora também foi tirada da terra, de uma porção de terra que ganhou forma nas mãos do artesão que a esculpiu. A água foi também o local onde está imagem habitou por muitos anos e foi de lá, que ela foi retirada para ser esse sinal de Deus para todo o povo brasileiro. E a água também recorda o nosso nascimento para a vida cristã, porque através do nosso batismo, nós nos tornamos filhos de Deus.”

::Saiba mais na reportagem do TJ Aparecida::


141 Comentários

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Marília Ribeiro, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.