Por Ir. Gilberto Cunha Em Comportamento

Amigo é aquele que me leva à verdadeira felicidade

amigas

Hoje que lembramos o dia do amigo gostaria de aprofundar neste grandioso dom que é a amizade.

Quem não experimenta desde a sua infância um desejo muito grande de encontrar um ou mais amigos de verdade? Nesta busca vamos construindo nossas amizades, estabelecendo vínculos e laços que buscam responder o profundo desejo de encontro, comunhão e felicidade que todos nós temos em nosso interior. Deus nos criou para o encontro, para o amor e para amar.

Nesta busca é verdade que descobrimos que há “amizades” e amizades. As primeiras são um monte (Nas redes sociais, na escola, nos grupos que participo), mas as segundas são muito difíceis de encontrar e quando achamos devemos valorizar muito : «um amigo fiel é um poderoso refúgio, quem o descobriu, descobriu um tesouro» (Eclo 6,14).

Quem é o verdadeiro amigo?

O que é que um amigo quer para seu amigo? O bem ou o mal? Sem dúvida ninguém responderá “o mal”. Quem ama de verdade, não pode querer isso para o seu amigo. Justamente o contrário, o verdadeiro amigo é quem busca levar seu amigo pelo caminho do bem.

Mas o amigo verdadeiro não só quer para seu amigo o bem, mas também quer para ele o máximo bem possível, ou seja, que chegue a ser o que está chamado a ser, pois sabe que disso depende a sua felicidade plena.

Amigos do Senhor, amigos no Senhor

Hoje Jesus ainda pergunta: Você quer ser meu discípulo? Você quer ser meu amigo?” Essas palavras que o Papa Francisco falou há quase um ano na festa de acolhida dos jovens na JMJ na quinta é um convite que segue ressoando em nossos corações.

Quem abre as portas de seu coração a Jesus descobre que nEle se encontra o máximo bem possível para todo ser humano, a felicidade autêntica, a resposta às perguntas fundamentais da minha vida. Ele que é “o Caminho, a Verdade e a Vida” (Jo 14,6), nos ama e quer o melhor para cada um de nós.

É no encontro e amizade com Cristo que chegaremos a ser plenamente nós mesmos, totalmente felizes. E não há bem maior que esse!

«... já não te chamo servo, mas sim amigo». (Ver Jo 15,15). Ele quer viver uma amizade profunda com cada um de nós. Só espera que acolhamos o seu convite: «Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele, e ele comigo» (Ap 3,20).

E sabe qual a melhor forma de sermos amigos de Jesus? Através da oração: “Pergunto-lhes… mas respondam no seu coração, não em voz alta, mas no silêncio: Eu rezo? Cada um responda. Eu falo com Jesus ou tenho medo do silêncio? [...] Eu pergunto a Jesus: Que queres que eu faça, que queres da minha vida? [...] Perguntem a Jesus, falem com Jesus. E se cometerem um erro na vida, se tiverem uma escorregadela, se fizerem qualquer coisa de mal, não tenham medo. Jesus, vê o que eu fiz! Que devo fazer agora? Mas falem sempre com Jesus, no bem e no mal, quando fazem uma coisa boa e quando fazem uma coisa má. Não tenham medo d’Ele! Esta é a oração” Papa Francisco durante a Vigília da JMJ

Ao lembrarmos um pouco da JMJ nos vem a memória de que já se passou um ano e quantas experiências intensas tivemos! Vem um monte de lembranças e sentimentos bons, não é verdade? Uma das coisas muito valiosas que eu considero da minha experiência foram as muitas pessoas que conheci e as amizades que nasceram deste grande evento. Ganhei vários amigos de outros países.

Amigo, no sentido mais pleno da palavra, é aquele que se encontrando ele mesmo cada dia mais com Jesus, vivendo ele mesmo a amizade com o Amigo por excelência, leva-me continuamente a Cristo, porque quer e procura o melhor para mim, que eu participe da riqueza do Amor de Cristo. Amigo é aquele que me leva a Cristo, que me leva à felicidade plena.

Aprendamos de Cristo como sermos amigos de verdade e façamos cada dia mais amigos e que as nossas amizades deem muitos frutos, aqui e por toda a eternidade.

gilberto assinatura JM

1 Comentário

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Ir. Gilberto Cunha, em Comportamento

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.