Por Felipe Torres Em Comportamento Atualizada em 23 JAN 2018 - 16H34

3 pontos indispensáveis pra você entender a Campanha da Fraternidade 2017

Fala, Jovem de Maria!  Iniciamos um tempo especial para refletirmos sobre nossas atitudes e buscarmos maior proximidade com Deus: a Quaresma. Nesta época, a Igreja do Brasil nos sugere a Campanha da Fraternidade (CF), para refletirmos, rezarmos e, até mesmo, transformarmos realidades do nosso país.

Quando nos aproximamos de Deus, tudo o que é errado começa a nos incomodar. E a CF nos ajuda a enxergar esses erros e nos aponta como podemos ajudar a corrigi-los. Assim, experimentamos uma conversão plena!

campanha da fraternidade 2017

Neste ano, a Campanha tem como tema “Fraternidade: Biomas Brasileiros e defesa da vida” e como lema: Cultivar e guardar a criação! Pra te ajudar a colocar isso em prática e a entender a proposta da CF, listei esses três pontos indispensáveis que você precisa entender:

1- O que são esses tais biomas?
Quando uma região tem clima, relevo e vegetação com características semelhantes por uma grande área, temos aí um bioma. Cada bioma, por ter essas características naturais que os diferenciam uns dos outros, possui espécies de animais próprios e todo um processo de formação diferente.

O Brasil tem um território gigantesco formado por seis biomas: a Mata Atlântica, a Amazônia, o Cerrado, o Pantanal, a Caatinga e o Pampa. Nesses biomas existem grandes riquezas naturais e convivem várias espécies de animais e diferentes povos.

 

2- O que está havendo com os biomas brasileiros?
Justamente pelo fato dos biomas abrigarem vários povos e diversas espécies de animais e vegetais, toda essa convivência só é possível quando há uma harmonia. Acontece que já faz tempo que nós, os seres humanos, estamos em um ritmo diferente do ritmo da natureza.

Cada vez mais precisamos de energia, de matéria-prima, de espaços para agricultura, criação de pastos, crescimento das cidades. Tudo isso é muito importante, mas nós não temos buscado um equilíbrio, uma maneira de crescer sem que os biomas fossem tão agredidos!

Existem já muitas formas de alcançar este equilíbrio, mas o ritmo que o mundo atual tem imposto ao ser humano não permite que ele pare, pense e tente mudar a sua postura. E o mais triste é que a degradação da natureza é sempre acompanhada de uma injustiça social, como nos lembrou o Papa Francisco em sua carta sobre a Campanha da Fraternidade 2017! Por isso, atualmente, os biomas brasileiros já perderam muito de sua riqueza original.

 

3- O que eu tenho a ver com isso?
Sabia que o Santuário Nacional de Aparecida está localizado na região do bioma da Mata Atlântica? Mas quando olhamos para a região deste bioma, tristemente vemos que sobrou pouco dele. Em qual bioma sua casa, sua paróquia e toda sua comunidade estão presentes?

A proposta da Campanha da Fraternidade não é que nós precisamos salvar todos os biomas. Nós não conseguimos isso!  Mas eu, jovem de Maria, posso tentar conhecer mais sobre o bioma em que minha comunidade está presente. Posso aproveitar este tempo da Quaresma para tentar entender qual o ritmo deste bioma, o que o tem degradado e quais as injustiças sociais da região.

Só assim poderei pensar em como ajudar, como instruir aos que estão ao meu redor e, também, saberei exatamente o que rezar a Deus neste tempo. Se cada um de nós fizermos isso, serão vários tentando ajudar de alguma forma! Aí sim conseguiremos viver o lema da campanha: Cultivar e guardar a criação!

Felipe Torres

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Felipe Torres, em Comportamento

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.