Por Priscila Ferreira Em Comportamento Atualizada em 29 ABR 2020 - 09H51

5 exemplos de mulheres bíblicas para meditar na Quaresma

Para viver melhor este tempo, nada melhor do que se basear em exemplos bíblicos, não é mesmo? Pessoas que viveram como a gente, com os mesmos desafios, limitações, mas para quem isso não impediu que dessem uma resposta de fé.

Thiago Leon
Thiago Leon

1- Maria

A primeira, com certeza, que eu quero ter como exemplo é Maria. Poderia destacar muitas virtudes, mas o que mais me marca é a sua confiança nos planos de Deus. Quando o anjo Gabriel apareceu a ela disse sobre Jesus:

“Conceberás em teu seio e darás à luz um filho e lhe porás o nome de Jesus. Ele será grande e será chamado Filho do Altíssimo. O Senhor Deus lhe dará o trono de Davi, seu pai, e ele reinará para sempre na casa de Jacó. E seu reino não terá fim”. (Lc 1, 31-33)

Mas, ela viu o filho dela ser insultado, torturado, flagelado e crucificado Poderia ter se perguntado como é que um rei pode sofrer tudo isso, não é mesmo? Mas, não. Ela permaneceu de pé diante de tamanha cruz. Sabia que seu filho ressuscitaria, em seu coração havia essa certeza.

:: 8 mulheres que tiveram um importante papel na Bíblia

2- Sara

Sara havia se casado 7 vezes e todos os seus maridos tinham morrido. Além desse sofrimento, foi insultada até por sua empregada. Parecia que não havia mais saída para sua situação. Então, ela roga a Deus com súplicas de misericórdia.

“(...)olhai-me com piedade,
e não tenha eu de ouvir injúrias”. (Tb 3, 15)

Destaco aqui a fé de Sara, quando parecia que nada tinha sentido em sua vida, seus olhos se voltam a Deus. Mesmo nas grandes provas e tribulações Sara nos ensina a recorrer aquele que pode fazer nova todas as coisas. (Ap 21, 5)

3- Judite

É admirável a história de Judite, olha o que aconteceu: Israel era seu país e foi invadido pelo rei da Assíria,  assim que o rei de Israel percebeu essa invasão ele fugiu e o povo hebreu ficou abandonado.

Judite, uma mulher cheia de fé, conseguiu se infiltrar no exército inimigo e matou o general assírio. Quando os israelitas souberam desse efeito foram encorajados e declararam guerra ao povo assírio. Ao vencer a batalha cantavam à Judite:

“Tu és a glória de Jerusalém, a alegria de Israel e a honra do nosso povo!” (Jt 15,9).

Com a coragem de Judite, renasceu a esperança no povo hebreu. A coragem é uma virtude que vale ser destacada, não é não sentir medo, mas enfrenta-lo como fez Judite.

4- Débora

Podemos contar com mais um exemplo, a profetiza Débora. Ela foi juíza em Israel quando não havia rei, ela liderou o povo e nesse período de 40 anos Israel teve paz.

"Já tinham desistido os camponeses de Israel, já tinham desistido, até que eu, Débora, me levantei; levantou-se uma mãe em Israel."  (Juízes 5,7)

::O que as mulheres da Bíblia têm a nos ensinar?

5- Priscila

Priscila era esposa de Áquila e trabalhava junto com o seu marido para espalhar a boa nova, a palavra de Deus. Os dois eram amigos de Paulo e fundaram uma igreja dentro da sua casa.

"Saúdem Priscila e Áquila, meus colaboradores em Cristo Jesus. Arriscaram a vida por mim. Sou grato a eles; não apenas eu, mas todas as igrejas dos gentios." (Romanos 16, 3-4)

** Curtiu esse post? Com qual dessas mulheres você se identifica? Comente e compartilhe com as amigas! **

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Priscila Ferreira, em Comportamento

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.