Por Craig Kinneberg Em Crescendo na Fé Atualizada em 14 AGO 2020 - 13H24

A astrologia é compatível com o Cristianismo?

Consultamos especialistas! Vem conferir!

shutterstock
shutterstock


Você quer saber mais sobre quem você é? Você gostaria de saber como vai ser o seu futuro? Ao longo da história, essas perguntas têm estado no fundo do coração de muitos seres humanos, que procuraram investigar e saber mais sobre quem são e sobre seus próprios futuros.

Existem várias formas de como os homens fizeram tais tentativas, sendo a astrologia (pseudociência que afirma que os corpos celestes influenciam, de forma determinante, na personalidade e no futuro dos seres humanos) uma das mais antigas e que persiste até hoje. Mas será que, como cristãos, devemos confiar na astrologia para tentar responder a essas perguntas? Existe compatibilidade entre a astrologia e o cristianismo? Para não alongar esse artigo e fazer você sofrer esperando a resposta a essa pergunta, melhor falar aqui claramente: em sentido estrito, a astrologia não é compatível com o cristianismo.

Denis Belitsky/ Shutterstock
Denis Belitsky/ Shutterstock

Leia MaisO que a Igreja diz sobre signos?
Seguem aqui
três razões que explicam o porquê disso:

1. A astrologia, que pretende prever o comportamento e o futuro das pessoas de forma determinante, não considera a verdade de fé de que Deus é o Criador de todas as coisas, sobre as quais Ele tem soberano poder, e que Ele intervém na história e na vida das pessoas. A astrologia acredita que os corpos celestes que determinam a vida das pessoas existem por si mesmos e que não há nenhum outro ser que tenha poder sobre eles.

2. A astrologia está em oposição com a verdade de fé de que Deus nos criou totalmente livres e que, com essa liberdade, as decisões que tomamos afetam o nosso destino. Quando a astrologia leva a pensar que a vida dos seres humanos está determinada a ser de um jeito específico, por influência da posição dos corpos celestes quando a pessoa nasceu, tira totalmente a noção de liberdade. As pessoas seriam completamente pré-determinadas, sem possibilidade de mudança, e os nossos futuros seriam determinados de forma imutável.

3. A astrologia implica no ato de colocar a nossa confiança sobre o nosso futuro em coisas fora de Deus. O profeta Isaías, dirigindo-se à Babilônia, diz:

“Estás cansada de tuas inúmeras consultas; apresentem-se, pois, e te salvem aqueles que praticam a astrologia, que observam as estrelas, que te dão a conhecer de mês em mês o que há de sobrevir-te. Eles são como o restolho, o fogo os queimará; não conseguirão salvar a sua vida do poder das chamas [...] nenhum conseguiu salvar-te”. (Isaías 47, 13-15).

Deus, ao longo do Antigo Testamento, educou o Povo de Israel mostrando que Ele era o único caminho de verdadeira salvação e, portanto, a confiança do Povo sempre há de ser colocada n’Ele e em mais ninguém. Certamente, hoje, Deus continua nos educando da mesma forma.

Você quer saber mais sobre quem você é? Você gostaria de saber como vai ser o seu futuro? Você, querido jovem, não encontrará as respostas que você anseia no mais profundo do seu coração, buscando na astrologia; somente em Deus é que todos os seus anseios serão saciados.

:: Gostou deste artigo? Que tal compartilhar com seus amigos e familiares?
Clique no ícone de sua rede social, logo abaixo do título.

Escrito por
Craig Kinneberg (arquivo pessoal)
Craig Kinneberg

Nasceu na cidade de Spokane, no estado do Washington, nos Estados Unidos, e se mudou a Phoenix, Arizona quando tinha 13 anos. Aos 20 anos de idade, ingressou no Sodalício de Vida Cristã e morou no Peru durante 3 anos para sua formação inicial. Em 2013, se mudou a São Paulo, Brasil, onde atualmente reside, ajudando na missão apostólica da Família Sodálite, especialmente no projeto catequético e fazendo trabalho pastoral com jovens. Completou os estudos filosóficos e teológicos em vistas ao sacerdócio.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Jovens de Maria, em Crescendo na Fé

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.