Crescendo na Fé

As festas valem mais do que a sua família?

Escrito por Priscila Ferreira

08 JAN 2021 - 08H30 (Atualizada em 08 JAN 2021 - 11H52)

Shutterstock/ Anthony Mooney balada, festa, aglomeração (Shutterstock/ Anthony Mooney)

Vivemos em uma pandemia há cerca de dez meses e, no mundo, mais de 87 milhões de pessoas foram contaminadas, segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde). Muitas vidas, não é mesmo? O uso de máscara, distanciamento social, renúncias e sacrifícios são feitos para que mais vidas não se percam e sejam, assim, preservadas. Por isso, não podemos passar por essa grande provação da mesma forma, você não acha?

Leia MaisO coronavírus é um castigo de Deus? O Papa Francisco, por exemplo, nos pede para confiarmos mais em Deus e sermos ainda mais fraternos nesses tempos de pandemia. Para isso, temos que assumir a nossa responsabilidade perante o outro, com os nossos irmãos, e isso não dá para fazer sem seguir as normas de prevenção ao coronavírus, sem ter os mínimos cuidados.

"Nós não sabemos o que 2021 vai nos reservar, mas o que todos podemos fazer juntos é um pouco mais de esforço para cuidarmos uns dos outros. (Papa Francisco)

Snglrty/ Shuttertock
Snglrty/ Shuttertock


Não é o momento para sairmos para as festas, ir aos “fluxos”, em aglomerações. Como católicos somos convidados a dar uma resposta diferente, a Oração de São Francisco reflete esse desejo:

“Onde houver desespero, que eu leve a esperança;

Onde houver tristeza, que eu leve alegria;

Onde houver trevas, que eu leve a luz”.

Não dá para fingir que nada acontece, ou pior, agir como se não tivesse como contribuir para que vidas sejam preservadas. A oração pede para que cada um seja luz, mesma orientação do próprio Jesus:

Leia MaisGuido Schäffer: "Todas as nossas ações devem visar o amor de Deus"

"Vós sois a luz do mundo. Uma cidade construída no alto do monte não pode ficar escondida. E também não se acende uma luz para pô-la debaixo de um móvel. Pelo contrário, é posta no candeeiro, de modo que brilhe para todos os que estão na casa. Assim deve brilhar vossa luz diante dos outros, para que vejam vossas boas obras e glorifiquem vosso Pai que está nos céus. (Mt 5,14-16)

Nesse momento, mais do que nunca, devemos ser a diferença que queremos ver. Para que essa pandemia termine logo, para que famílias sejam preservadas, para que nossa luz brilhe, precisamos pensar em nós, nas pessoas que amamos e no próximo, que também é amado, que também possui uma família. 

#ParaTodosLerem: Curtiu esse post? Compartilhe com seus amigos!
É só clicar no botão do Whatsapp ou demais redes sociais, logo abaixo do título

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Priscila Ferreira, em Crescendo na Fé

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.

Bem vindo!


Para completar seu cadastro, por favor, verifique seu e-mail e defina sua senha.
Caso não encontre o e-mail na sua caixa de entrada, por favor, verifique na caixa de SPAM/TRASH/LIXO ELETRÔNICO.