Por Rádio Aparecida/A12 Em Notícias

Advogado explica ilegalidade da prática de preço diferente para homens e mulheres em shows e festas

Direitos do consumidor preço do ingresso na balada_rádio aparecida

Na última semana a Secretaria Nacional do Consumidor do Ministério da Justiça emitiu uma nota proibindo a diferenciação de preço por sexo para entrada em shows e festas noturnas.

O advogado, Ivo Henrique Silva explicou essa prática ilegal e como garantir o direito. A iniciativa ainda não é uma lei, mas é uma portaria que implica em fiscalização e multa.

Confira mais informações sobre o direito do consumidor em shows, festas e baladas.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Rádio Aparecida/A12, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.