Por Rádio Aparecida Em Notícias Atualizada em 19 DEZ 2018 - 08H39

Anotações encontradas na casa do atirador citam “fazer algo grande” e “massacre”

shutterstock
shutterstock
Catedral Metropolitana de Campinas


Em novas anotações encontradas pela Polícia Civil na casa do autor do tiroteio que matou 5 pessoas na Catedral Metropolitana de Campinas, o atirador escreveu que precisava "fazer algo grande para provocar o estado a fazer uma investigação rigorosa" e cita o massacre. As anotações foram encontradas na segunda varredura na residência do pai de Euler.

Também foram encontrados 4 carregadores de 9 mm, munições das armas CZ e de calibre 38, recortes de jornais, uma pequena quantidade de maconha, cds e pendrive. As informações e materiais foram apresentados durante coletiva de imprensa na sexta-feira (14).

Segundo o delegado José Henrique Ventura, as anotações e depoimentos colhidos demonstram que o atirador se sentia perseguido. O delegado Hamilton Caviola diz que há indicações que o atirador possuía a arma CZ há anos.

Confira a reportagem completa:

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Rádio Aparecida, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.