Por Beatriz Nery Em Notícias

De "moleque" de Sacramento, Vítor Coelho se tornou filho da Mãe Aparecida

De criança indisciplinada a candidato aos altares da Igreja, conheça trajetória do Apóstolo de Aparecida

"Oh, meu Jesus Cristinho, o Senhor tem que me perdoar de todas as peraltices que cometi em casa, quando morava em Sacramento.
Perdão também pelas bagunças que aprontava na casa da vovó e, depois com o primo Victor.
Afinal, eu era um moleque do Borá, depois virei moleque do Bangu...
Mas agora, parece que estou virando um moleque de Nossa Senhora Aparecida

Será que estou sendo tocado pela graça de Deus?"


Montagem: Maria Alice Figueira/A12
Montagem: Maria Alice Figueira/A12
Da esquerda para direita, Venerável Padre Vítor Coelho criança e adulto com hábito redentorista.


Vítor Coelho de Almeida, nascido em 1899, era descrito por todos como uma criança desobediente. Segundo filho do professor Leão Coelho de Almeida e Maria Sebastiana Alves Moreira, vivia fazendo estrepulias com outros meninos ao nadar no Ribeirão Borá em Sacramento (MG), cidade onde nasceu. Assim ganhou o apelido de "moleque do Borá".

Depois da morte de sua mãe, aos oito anos, ficou ainda mais insuportável e indisciplinado. Professor Leão, sem alternativas de criar sozinho Vítor e seus outros quatro filhos, escreveu ao primo sacerdotpara entregar o filho mais levado aos seus cuidados. Víctor Coelho de Almeida era cônego da Paróquia de Bangu, na capital do Brasil na época, o Rio de Janeiro. Nem mesmo morando em um lugar religioso tomou jeito na vida. Não gostava de estudar, não gostava de ir à missa, só queria saber de jogar futebol. Se tornou "moleque de Bangu".

Sem  saber mais o que fazer, seu xará, o cônego Victor, tomou uma decisão. Ao invés de devolvê-lo ao pai, internou Vítor no Colégio Redentorista de Santo Afonso, em Aparecida (SP). Com apenas 12 anos, levado pelo exemplo dos seminaristaspelos ensinamentos dos missionários e tocado pela graça de Deus, Vítor transformou-se num jovem estudioso, piedoso e de comportamento exemplar. Não via a hora de colocar o hábito de redentorista.

Hoje e para sempre, Vítor é o "moleque de Nossa Senhora Aparecida". Rezamos para que em breve seja o Beato Pe. Vítor Coelho de Almeida.

:: Peça fervorosamente pela beatificação de Pe. Vítor Coelho

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Carregando ...

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Beatriz Nery, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.

Carregando ...