Por Rádio Aparecida Em Notícias Atualizada em 21 MAI 2019 - 14H45

Desigualdade atinge o maior patamar já registrado no Brasil




Segundo um levantamento do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas, a desigualdade da renda dos trabalhadores seguiu a trajetória de crescimento que já vinha apresentando nos primeiros meses deste ano e, assim, atingiu seu maior nível em 7 anos.

O Índice de Rendimento Domiciliar per capita do brasileiro subiu e, de acordo com o levantamento, o índice do 1º trimestre deste ano estava no maior patamar, desde o 1º trimestre de 2012. Os cálculos foram feitos a partir dos dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicilio Contínuas (PENAD), que foi divulgado na semana passada.

O movimento aconteceu apesar do governo Jair Bolsonaro ter fixado o salário mínimo em R$ 998,00 desde do dia 1º de janeiro deste ano. Daniel Duque, pesquisador da área de Economia Aplicada, fala sobre o assunto.

Confira:

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Rádio Aparecida, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.