Por Rádio Aparecida Em Notícias

Filho de ministro do TCU é alvo da 45ª fase da Lava Jato

O advogado Tiago Cedraz – filho do ministro Aroldo Cedraz, do Tribunal de Contas da União (TCU) – é um dos alvos de busca da 45ª fase da Operação Lava Jato, deflagrada nesta quarta-feira (23) em Salvador, Brasília e Cotia (SP). Ao todo, quatro mandados de busca e apreensão foram cumpridos na atual fase – batizada de Abate II.

A operação Abate I, deflagrada na sexta (18), apontou que Cândido Vaccarezza recebeu propina em troca de um contrato obtido pela empresa norte-americana Sargeant Marine pela Petrobras. Segundo as investigações, o lobista Jorge Luz, que está preso em Curitiba, disse em depoimento que o advogado Tiago Cedraz também intermediou conversas entre a empresa e a estatal e que ele teria recebido 20 mil dólares em propina por isso.

Cândido Vaccarezza foi líder dos governos Lula e Dilma e foi preso na 44ª etapa. Ele foi solto pelo juiz Sérgio Moro nesta terça (22), e é alvo de um dos mandados de busca da atual fase.

Plantão RCR_destaque Rádio Aparecida_Jornal Brasil Hoje_nota:: Mais notícia desta quarta-feira

Deputados da bancada ruralista e oposicionistas ligados à causa ambiental cavaram trincheiras opostas na Comissão de Finanças e Tributação da Câmara por causa de um projeto de lei que altera as regras de licenciamento ambiental. A proposta, apelidada por ambientalistas de “licenciamento flex”, deve ser analisada pelos integrantes do colegiado nesta quarta-feira (23), a partir das 10h.

A batalha entre ruralistas e ambientalistas ganhou o reforço de personagens de fora do Congresso Nacional. Contrários às mudanças propostas no texto pelo deputado governista Mauro Pereira (PMDB-RS) – relator do projeto –, dirigentes do (Ibama) e do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) se manifestaram publicamente pela rejeição da matéria.

O impasse em torno da proposta que modifica as regras de licenciamento ambiental deve reeditar a disputa entre ruralistas e ambientalistas protagonizada no primeiro mandato de Dilma Rousseff durante a tramitação do novo Código Florestal, que regulamentou a forma como a terra pode ser explorada.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Rádio Aparecida, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.