Por Rádio Aparecida Em Notícias Atualizada em 09 JAN 2019 - 12H28

Programa "Minha Casa, Minha Vida" pode ser alterado por novo presidente da Caixa

Governo de São Paulo
Governo de São Paulo

O novo presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães afirmou, após cerimônia de posse no Planalto, que a classe média terá que pagar juros de mercado para o financiamento habitacional. Segundo ele, os juros serão maiores do que os oferecidos hoje no programa ‘Minha Casa, Minha Vida’.

“Os juros do programa são para quem é pobre; quem é de classe média precisa pagar mais", justificou. Segundo o IBGE, a faixa de renda da população que compreende as classes C e D (a classe média) vai de R$1.800 até R$9.000, em média.

Vinícius Henrique de Almeida Costa, diretor-presidente da Associação Brasileira dos Mutuários da Habitação, acredita que, como a população tem um costume de adquirir um imóvel através do financiamento habitacional, estes juros devem atrapalhar a venda e construção de imóveis, mas isso não deve ocasionar o fim do programa.

Ouça.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Rádio Aparecida, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.