Por Rádio Aparecida Em Notícias Atualizada em 17 SET 2019 - 15H42

Quase 3 milhões estão em situação de trabalho infantil no país

Reprodução
Reprodução

Ouça a reportagem ou, se preferir, leia:

🔊 Acompanhe o 'Notícias em 30' às 7h (1ª edição) e às 17h30 (2ª edição) 

O santuário nacional prepara, em parceria com o Ministério Público do Trabalho e a justiça do trabalho ações para o mês da criança. A intenção é conscientizar sobre os graves riscos do trabalho infantil.

Os números são impressionantes: 2 milhões 700 mil crianças e adolescentes trabalham no brasil. A região sudeste lidera a concentração de crianças e adolescentes que trabalham. Em julho o presidente Jair Bolsonaro deu a entender que seria normal uma criança a partir de 9 anos trabalhar. A fala foi destaque a nível internacional. Depois, ele se desculpou.

Ronaldo Lira, procurador do Ministério Público do Trabalho e Vice-Coordenador da Coordenadoria Nacional de Combate à Exploração do Trabalho da Criança e do Adolescente disse que o trabalho infantil jamais pode ser aceito

De janeiro a julho deste ano, a Secretaria de Inspeção do Trabalho fez 361 fiscalizações para o combate ao trabalho infantil. Esse número é o segundo menor registrado nos últimos 10 anos. As fiscalizações são ferramenta importante para o combate ao trabalho infantil.


Reforma da previdência e a mudança projeto de lei que altera regras eleitorais, devem passar pela pauta do Senado



Ouça a reportagem ou, se preferir, leia:

🔊 Acompanhe o 'Notícias em 30' às 7h (1ª edição) e às 17h30 (2ª edição) 

Semana movimentada em Brasília. Assuntos como a reforma da previdência e a mudança projeto de lei que altera regras eleitorais, prevendo exceções ao limite de gastos em campanhas, devem passar pela pauta do Senado. Além disso, a movimentação em torno da criação da CPI da Lava Toga deve tomar conta do cenário político.

O senador Alessandro Vieira (Cidadania – ES) é o autor do pedido de instauração desta CPI fala com a Rede Aparecida com exclusividade.


Áreas importantes do país, como saúde, educação e infraestrutura sofrerão cortes no orçamento

Shutterstock
Shutterstock

Ouça a reportagem ou, se preferir, leia:

🔊 Acompanhe o 'Notícias em 30' às 7h (1ª edição) e às 17h30 (2ª edição) 

Além dos impactos com os cortes na Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, a CAPES, a educação básica também entrou nesse bolo e terá os auxílios do governo comprometidos. Para 2020 a queda será de 54% nos recursos destinados ao apoio à infraestrutura.

Atualmente o brasil tem mais de mil obras de creches e pré-escolas paradas e com esse anuncio de corte o cenário pode ficar ainda pior.

Gabriel Correa, Gerente de Políticas Educacionais da ONG Todos pela Educação, repercute conosco este assunto.


🔊 Gostou desses podcasts? Compartilhe com os amigos!

Na parte superior da página (logo abaixo do título) clique no botão do WhatsApp ou das demais redes sociais.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Rádio Aparecida, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.