Por Rádio Aparecida Em Notícias Atualizada em 15 MAR 2019 - 16H24

Tragédia em Suzano comoveu toda a cidade, principalmente os alunos e ex-alunos da Escola Estadual Raul Brasil

Rovena Rosa/Agência Brasil
Rovena Rosa/Agência Brasil

O Brasil ainda assiste com muita tristeza os desdobramentos do massacre de Suzano (SP), fato em que dois jovens de 17 e 25 anos invadiram uma escola repleta de alunos cheios de sonhos e terem transformado o local em cenário de guerra. A jornalista Carla Fiamini, ex-aluna da escola Raul Brasil diz que: “Ver o chão onde eu dei os meus primeiros passos na educação manchado por sangue é inconsolável.”

Esse é o sentimento de muitos alunos e ex-alunos que viveram anos dentro desta escola, como Lisandro Frederico, hoje vereador em Suzano, que relata o sentimento de hoje:

Especialista de Suzano avalia situação dos alunos e afirma que é necessário acompanhamento preventivo em estudantes

Para os moradores de Suzano (SP) e alunos da escola Raul Brasil, a volta à rotina ainda deve demorar. A psicóloga Sandra Mara Gonçalves, que trabalha diretamente com jovens e adolescentes da cidade, revela que existe uma necessidade muito grande de um trabalho de recuperação para estas pessoas, que se traumatizaram com o fato.

“Esses alunos precisam ser observados e a escola tem que se preparar para recebê-los, pois não será fácil retornar. Acredito que a escola já está se preparando e que receberá auxilio de profissionais para fazer um treinamento com professores e ajudar na recepção dos alunos na primeira semana.”

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Rádio Aparecida, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.