São Pio de Pietrelcina dizia "sou um simples frade que reza”, tinha sua vida dedicada à oração com simplicidade, mas de atitudes marcantes, seus gestos e palavras levavam as pessoas a conhecer o divino.

Com acontecimentos extraordinários durante sua vida e seu tempo, o século XX, pode ser estudado e conhecido por muitas pessoas que relatam seu amor a Cristo e sua caridade.

Cronologia:
Cronologia:

Nasceu em Pietrelcina, na Itália, em 1887.

Em 6 de janeiro de 1903, aos dezesseis anos, entrou como clérigo na ordem dos Capuchinhos.

  Foi ordenado sacerdote em 1910

Em 20 de setembro de 1918 depois da celebração da Santa Missa recebeu os estigmas nas mãos e nos pés.

 - A partir de 1919 começou a divulgação da notícia dos estigmas, propagação da fama de Padre Pio pelo mundo todo e início do afluxo de peregrinos.

- Em 1923 a Igreja ordenou que Padre Pio não celebrasse mais a missa em público e que não respondesse mais às cartas recebidas.




Somente em 1933, Padre Pio voltou a celebrar a missa publicamente e em 1934 voltou a atender confissões.


1956 inauguração de sua obra terrena “Casa Sollievo della Sofferenza”.


Morreu em San Giovanni Rotondo no dia 23 de setembro de 1968.


Em maio de 1999 foi proclamado Beato.


Leia também
Leia também
Em junho de 2002 foi declarado Santo pelo papa João Paulo II.
Milagres e fatos curiosos
Milagres e fatos curiosos

ESTIGMAS

O acontecimento místico mais marcante na vida do Frei Pio foi os estigmas que ele carregou por 50 anos, ele foi o único padre a receber os estigmas na história da Igreja, os demais santos, que carregaram essas feridas, eram leigos.

MILAGRE DA CANONIZAÇÃO

O milagre atribuído a São Pio que o levou a canonização foi a cura de um menino Matteo Colella, com sintomas de uma gripe, posteriormente foi diagnosticado com meningite. A mãe rezava a Jesus e pedia a intercessão de padre Pio, chegou a rezar diante dos restos mortais do santo. Repentinamente Matteo reagiu, contou de um sonho que teve e a visão de Padre Pio e os Anjos, depois disso Matteo estava curado e sem sequelas.

PERSEGUIÇÃO

Foi perseguido pela própria Igreja, o próprio bispo do padre Pio o perseguiu. As reclamações e acusações chegaram até Roma e na época o Santo Ofício chegou a condená-lo. Os inimigos do Padre Pio faziam com que nunca chegasse ao Santo Ofício os relatórios reais sobre o frade, mas somente relatório contra ele. O religioso aceitou essa perseguição com profundo amor a Igreja.

PROFECIA

Conta os relatos que quando o Papa João Paulo II ainda era padre em uma confissão com o Padre Pio lhe disse: “Vás a ser Papa.” – E continuou: “Também vejo sangue e martírio em sua vida”.

CARTAS

Em suas cartas ao seu diretor espiritual contava sobre os seus encontros com Jesus.

BILOCAÇÃO

Padre Pio foi visto nos Estados Unidos, em Roma, em Milão e lugares espalhados pela Europa, mesmo sem ter sair do convento onde vivia.

Papa Bento XV


"Padre Pio é um daqueles homens extraordinários que Deus envia de vez em quando à terra para converter os homens".

Papa Paulo VI


"Veja que fama ele alcançou! Quanta gente de todo o mundo ele reuniu em torno de si! Mas por quê? Por que era um filósofo? Por que era um sábio? Por que dispunha de meios? Não, mas porque rezava a Missa humildemente, confessava de manhã à noite; era difícil de dizer, representante estampado dos estigmas de Jesus. Era um homem de oração e de sofrimento."

Papa João Paulo II


"Padre Pio foi um generoso dispensador da misericórdia divina, sobretudo através do sacramento da Penitência. O ministério do confessionário atraía numerosas multidões de fiéis. Mesmo quando ele tratava os peregrinos com severidade aparente, eles, tomando consciência da gravidade do pecado e arrependendo-se sinceramente, voltavam quase sempre atrás para o abraço pacificador do perdão sacramental.”

Os Papas e São Pio
Os Papas e São Pio

Muitas pessoas se dirigiam a San Giovanni Rotondo para falar com padre Pio que em vida já tinha fama de santidade.

Na atualidade, a vida, a santidade, o testemunho de São Pio arrebanham muitos fiéis, com isso o Santuário dedicado ao Santo em San Giovanni Rotondo, na Itália recebe muitos visitantes.

Em 2008, seu corpo foi exumado e as pessoas podem visitar o corpo incorrupto exposto no Santuário.

São Pio é um grande exemplo de caridade.

O Papa João Paulo II na celebração de canonização resumiu São Pio como homem de oração e caridade.

“O Padre Pio unia à oração também uma intensa atividade caritativa, da qual é uma extraordinária expressão a "Casa Alívio do Sofrimento". Oração e caridade, eis uma síntese muito concreta do ensinamento do Padre Pio, que hoje é proposto a todos”.



Fontes:
 padrepio.catholicwebservices.com

 folha.uol.com.br
 w2.vatican.va
 Padre Paulo Ricardo

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação, em Espiritualidade

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.