Por Redação A12 Em Igreja

Igreja inaugura projeto de captação de água no sertão nordestino

Tecnologias sociais chegam a 159 famílias de Angicos e Lajes no RN

Uma missa em ação de graças marcará a inauguração de 159 tecnologias sociais de captação e armazenamento de água para a produção de alimentos (P1+2), construídas pelo Serviço de Apoio aos Projetos Alternativos Comunitários (SEAPAC). Do total, 101 tecnologias foram instaladas em comunidades de famílias de Angicos, e 58 em comunidades de Lajes, na região do Sertão Central do Rio Grande do Norte.  A inaguração ocorre nesta terça-feira (28), às 19 horas, na quadra de esportes da comunidade Rio Velho, no município de Angicos. 

Foto de: José Bezerra/ Assessoria SEAPAC

Cisterna Calçadão (José Bezerra)

Cisterna calçadão, uma das tecnologias sociais construídas pelo SEAPAC.

 

A celebração será presidida pelo Arcebispo Metropolitano de Natal e presidente do SEAPAC, Dom Jaime Vieira Rocha, e concelebrada pelo pároco de São José de Angicos, Padre Severino da Silva Neto. Depois da celebração, haverá a bênção das tecnologias e a composição da mesa, para o momento solene, inclusive de pronunciamentos. Em seguida, haverá um jantar partilhado para todos os presentes.

A construção das tecnologias sociais de captação e armazenamento de água de beber e de produzir (cisternas de placas, com capacidade para acumular 16 mil litros; cisternas calçadão e de enxurrada, com 54 mil litros; e os barreiros trincheira, com 500 mil litros) mudou para melhor a vida de milhares de famílias. A peregrinação que mulheres e homens faziam em busca de água, às vezes com percurso superior a dois quilômetros, hoje não acontece mais. A água está no quintal da casa, tanto para o consumo humano quanto para a produção de alimentos. 

SEAPAC

É um organismo ligado à Igreja católica, cuja missão é “contribuir para que setores populacionais que vivem em situação de vulnerabilidade social, no campo e na cidade, sejam protagonistas na proposição, conquista e acesso de direitos e políticas públicas, investindo na organização e articulação da sociedade civil, no diálogo com o Estado e na construção de amplas parcerias, implementando processos educativos e socioambientais, na perspectiva de uma sociedade solidária, democrática, justa e sustentável.”

No último dia 23, reunidos em Aparecida (SP), os bispos do Rio Grande do Norte elegeram o Arcebispo de Natal, Dom Jaime Vieira Rocha, presidente do Conselho Gestor do SEAPAC. Eles participam da 53ª Assembleia Geral dos Bispos do Brasil, realizada de 14 a 24 de abril, em Aparecida.

A instituição atua na Igreja Católica, no Rio Grande do Norte, há mais de 20 anos. Para conhecer mais sobre a história e ações do SEAPAC, acesse: https://seapac.org.br.

1 Comentário

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação A12, em Igreja

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.