Por Secretariado Vocacional Redentorista Em Notícias Atualizada em 06 AGO 2020 - 10H44

Entenda a diferença entre vocação e profissão

Profissão e vocação parecem dizer a mesma coisa, mas não é bem assim. Pensando na juventude, os dois termos se referem ao futuro e podem até apontar para a mesma direção, mas existem diferenças.

Vocação está relacionado ao "ser" enquanto que profissão ao "fazer". Na Igreja, entende-se que existem diversas vocações, entre elas: leiga, missionária, sacerdotal e religiosa. Na vocação leiga, temos os que se encontram realizados na vida como solteiros e os que buscam o matrimônio. Já na profissão, existe uma infinidade de possibilidades. 

Confira abaixo as diferenças entre profissão e vocação! 

Shutterstock
Shutterstock
Como escolher o que "ser" e "fazer" da vida?


Veja como a vocação se apresenta na vida cristã relacionada ao "ser": 

- É um chamado de Deus; para o que Deus me chama nesta vida;

- Constitui-se numa perspectiva cristã e comunitária, afinal, ninguém é chamado para benefício próprio; 

- É uma vida feita doação, ou seja, um serviço gratuito em favor dos irmãos;

- Abre-nos o horizonte e faz compreender a nossa missão neste mundo. Sabermos o nosso lugar e aonde queremos chegar. 

Agora, veja como a profissão se aplica à vida do homem e da mulher no "fazer": 

- É uma escolha pessoal;

- Numa escolha profissional leva-se em conta as perspectivas individuais, sociais e econômicas; 

- Uma profissão tem o seu valor de mercado, ou seja, equivale a remuneração que poderá ganhar ao escolher uma carreira; 

- Ao escolher uma profissão também surge uma reflexão sobre o que escolher, ou seja, escolher o que gosta ou ter retorno financeiro. Nesse sentido, as habilidades individuais pesam na hora de escolher um caminho. 

É importante lembrar que a descoberta da vocação não invalida uma escolha profissional.

Compreender sua missão diante do Reino de Deus também ajuda na hora de optar por uma carreira profissional. Afinal, um pai e esposo, ou uma mãe, pode ser também professor(a), engenheiro(a) ou vendedor(a), mas sem deixar de lado os valores cristãos.

Até mesmo como padre ou religioso e religiosa, essas duas palavras podem caminhar juntas.

Muitos padres, irmãos e irmãs consagrados são também enfermeiros, administradores ou comunicadores. Tudo depende da necessidade da Igreja e da Congregação em que se está inserido.

Vocação e profissão são sinônimos de serviço, cada um à sua maneira. A vocação é graça de Deus! Pense nisso!

Para discernir melhor sua vocação procure a Pastoral Vocacional em sua comunidade. Conversando você vai descobrindo e acertando o que Deus te pede! 

Quer ser Missionário Redentorista? Entre em contato conosco pelo e-mailvocacional@a12.com ou pelo telefone(12) 3105-2245. 


4 Comentários

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Secretariado Vocacional Redentorista, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.