Por Secretariado Vocacional Redentorista Em Notícias

Vocação Matrimonial: Aliança de amor, casa de misericórdia

A ação criadora de Deus está repleta de amor. A primeira vocação ao qual o ser humano é chamado é a de promover, defender e fazer a vida acontecer. A segunda, e não menos importante, vocação que Deus dá ao homem é a vocação ao amor, pois de todas as criaturas visíveis, só o ser humano é capaz de conhecer e amar o seu Criador.

O amor é essencialmente doação, partilha e não cabe o egoísmo e nem a auto-suficiência na existência humana, mas a fraternidade. Todos nós somos chamados a descobrir e experimentar o amor de Deus no outro, na comunidade e nunca sozinhos.

Vocação Matrimonial

O amor humano compreende três dimensões: o amor eros, o amor filia e o amor ágape. Ao longo da vida do casal, essas três dimensões do amor humano vão caminhar sempre juntas. O amor eros é aquele primeiro despertar pela pessoa, que se destaca no meio de uma multidão, uma sintonia que desperta interesse, faz com que eu saia de mim mesmo para ir ao encontro do outro. A partir de sucessivos encontros, nasce o amor filia, o amor de amizade, o amor que permite que eu enxergue o outro como alguém que eu posso conversar, desabafar, confiar e aprender. É nessa cumplicidade que nasce o amor ágape, ou o amor doação. É quando o amor entre o homem e a mulher é tão forte que ultrapassa o físico e a amizade, e os dois descobrem que é com essa pessoa que querem dividir, construir e viver a vida, os projetos e o futuro.

 

Vocação Matrimonial

O sacramento do matrimônio deve ser assumido pelo casal de forma consciente, livre e com abertura a fecundidade, acolhendo uma outra grande vocação humana, a paternidade e a maternidade responsável. É importante dizer também que o sacramento do matrimônio é sustentada por três grandes colunas, a unidade, a indissolubilidade e a fidelidade.

Três atitudes não podem faltar nunca na vida do casal e da família: o diálogo, o perdão e a espiritualidade.

Para aqueles que são chamados a responder seu sim a vocação matrimonial, procurem fazer na alegria. Estejam dispostos a viver todos os dias na fidelidade, no amor doação e numa atitude de serviço para com aquela pessoa que vai junto com você construir uma longa e bela história de amor e superação, que vai se perpetuar na vida dos filhos, manifestando, assim, o amor e a misericórdia de Deus.

Edson e Mazé

Leia mais: Exortação do Papa sobre a família é publicada no Vaticano
                  Qual a posição da família no plano da Criação de Deus?

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Secretariado Vocacional Redentorista, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.