Por Marília Ribeiro Em Notícias Atualizada em 18 ABR 2019 - 14H25

Missa do Crisma reúne clero da Arquidiocese de Aparecida na Casa da Mãe

Dom Orlando reforça aos padres, intimidade na oração com Deus para viver bem a missão sacerdotal.

O Santuário Nacional acolheu, nesta quinta-feira (18), os padres da Arquidiocese de Aparecida, que unidos aos missionários redentoristas, renovaram o seu compromisso sacerdotal na Santa Missa do Crisma, no Altar Central às 9h.

Gustavo Cabral
Gustavo Cabral


A Santa Missa foi presidida pelo Arcebispo Dom Orlando Brandes e contou com a presença do reitor do Santuário, padre Eduardo Catalfo, o ecônomo, padre Luiz Claudio Alves de Macedo e diversos concelebrantes e seminaristas

Na celebração foi realizada a bênção dos santos óleos dos enfermos, dos catecúmenos e a consagração do crisma. Estes óleos serão utilizados ao longo do ano na realização dos sacramentos nas Paróquias e casas religiosas da Arquidiocese de Aparecida.

Gustavo Cabral
Gustavo Cabral


Durante a homilia, Dom Orlando enfatizou o sacerdócio, lembrando que do batismo nasce a vocação ministerial. “A leitura do Apocalipse falou do sacerdócio dos leigos, povo sacerdotal, um reino de sacerdotes. Esse texto é famosíssimo, porque é o fundamento bíblico do sacerdócio batismal do povo de Deus. E por causa do sacerdócio batismal, nós temos o sacerdócio ministerial, que está a serviço do povo de Deus”.

O Arcebispo destacou que o padre é objeto de quatro amores que sustentam a sua vida vocacional: O amor a Jesus, o amor do povo, o amor aos presbíteros e o amor da Mãe Igreja.

Além disso, Dom Orlando lembrou a importância da oração, afirmando que é uma contradição o padre não rezar. “Nascemos da oração de Jesus na montanha. Jesus passou a noite inteira rezando e você foi gerado naquela noite”.

Complementando, Dom Orlando afirmou que é na oração que está a força para viver a missão de Jesus. “Para curar as nossas feridas, para sermos missionários consagrados, vamos dobrar os nossos joelhos para Deus. Vamos fazer a nossa oração diária com hora marcada, só Deus, você e o seu relógio. Pode comprovar que você reza. Estou falando daquela oração íntima, do eu retirado para a oração, eu sou na oração atirado para a missão”, refletiu.

Após a homilia, os sacerdotes renovaram as promessas feitas no dia da sua ordenação. Em seguida, foi dada a bênção dos santos óleos que ao final da celebração, foram entregues a cada padre ou religiosa responsável por paróquias e instituições da Arquidiocese de Aparecida.

::Participe do Tríduo Pascal no Santuário



Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Marília Ribeiro, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.