Por Redação Em Notícias

Festa da Imaculada Conceição na Espanha exaltará a virtude da esperança

 

 

images_27

Com o lema “Maria é a Mãe da Esperança”, Espanha celebrará no próximo dia 07 de dezembro a tradicional Vigília da Imaculada. A solenidade, que se comemora anualmente em todas as Dioceses do país europeu, se fará de forma grandiosa na Arquidiocese de Madri.

O encontro principal, como vem ocorrendo há vários anos, será às 21h na Catedral de Nossa Senhora de Almudena. A celebração também ocorrerá na Basílica das Mercês e no Santuário de Maria Auxiliadora, ambos situados na capital espanhola. Nestes dois lugares se contará com as intervenções do Padre Pablo Abad, que é jornalista e foi recentemente ordenado sacerdote; Miguel Julián Viñals, professor da Universidade San Pablo-CEU de Madri; assim como o Padre Jesús Zurita, capelão da Escola de Engenharia Industrial da Universidade Politécnica de Madri e Florentino Callejo, pai de família numerosa e presidente da Associação ‘Lares de Santa Maria’.

Este ano a jornada tomou seu lema inspirando-se em uma afirmação que fez o Santo Padre Francisco em 2013 por ocasião da Jornada Mundial da Vida Consagrada e se realizará com o propósito de “fazer uma súplica à Virgem, para que, por meio de sua intercessão, os corações despertem à esperança, recuperem a Fé e se encontrem com Jesus Cristo e sua Divina Misericórdia”.

 

Festa da Imaculada Conceição na Espanha exaltará a virtude da esperança 1.jpg

Como ocorreu nos últimos anos, se espera que o Santo Padre envie uma mensagem, assim como sua Bênção Apostólica, aos participantes da Vigília, a qual se somarão por volta de 700 conventos contemplativos.

As Vigílias da Imaculada vem sendo realizadas em Madri desde 1947. A primeira teve lugar por iniciativa do Padre Tomás Morales -que atualmente se encontra em processo de canonização-, com um grupo de 300 jovens, começando com um setor que se encontrava abandonado, que era o dos homens. Com o tempo se pensou na necessidade de incluir a família dedicando as vigílias tanto a elas como aos jovens.

Com o passar dos anos, a jornada em honra à Imaculada tomou maior força em Madri, logo se estendeu a toda Espanha, posteriormente ao centro da Europa e finalmente a vários países da América Latina.

A Imaculada Conceição é Padroeira da Espanha desde o ano 1760 a pedido do rei Carlos III, a qual foi gratamente concedido pelo Papa Clemente XIII, que no dia 08 de novembro desse ano assinou um decreto no qual proclamou a Imaculada Conceição de Maria como ‘ama e dona’ do povo espanhol. Pouco tempo depois, no dia 25 de dezembro, foi apresentada a bula ‘Quantum Ornamenti’ com a qual de maneira solene se ratificava a dita proclamação.

Mais adiante, no dia 16 de janeiro de 1761, o Rei Juan Carlos III assinou o decreto-lei “Universal Patronato de Nossa Senhora na Imaculada Conceição em todos os Reinos da Espanha e Índias”, com o qual proclamou a Imaculada como padroeira de todos os seus reinos.

Quase um século depois, no dia 08 de dezembro de 1854, o Papa Pio IX em sua Carta Apostólica ‘Ineffabilis Deus’ proclama o Dogma da Imaculada Conceição. (GPE/EPC)

Foto de:vigiliadelainmaculada.org

view_1_8

A Vigília central será na Catedral da Almudena 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Redação, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.