Busque títulos de Nossa Senhora

  • Nome
  • Mês
  • Localização
  • Intercessão
  • Todos
Ou escolha o dia no calendário  

Hoje, 25/1 é dia de:

Nossa Senhora da Conquista (La Conquistadora)

Hoje, 25 de Janeiro é dia de:

Nossa Senhora da Conquista (La Conquistadora)

Localização: Novo México

Nossa Senhora da Conquista (La Conquistadora) é a primeira imagem de Maria venerada no território que hoje pertence aos Estados Unidos da América. Trata-se de uma imagem feita de madeira, de aproximadamente 80 cm de altura, hoje venerada na Basílica de Santa Fé, Novo México. Ela foi levada da Cidade do México para Santa Fé por Frei Alonso de Benavides, sendo o dia da sua chegada 25 de janeiro de 1626, fato registrado no diário de Benavides.

Originalmente, a imagem era conhecida como Nossa Senhora da Assunção. A mudança de nome para o de Conquistadora é devida ao governador Diego de Vargas, que decidiu levar consigo a imagem nas suas viagens pelo território de Novo México, especialmente na luta contra a revolta de Pueblo. Ele confiou à Nossa Senhora a retomada dos territórios perdidos, da forma menos sangrenta possível.

Mais recentemente, Nossa Senhora da Conquista recebeu outros nomes, como Nossa Senhora da Paz e Nossa Senhora Conquistadora dos corações. Estas mudanças, introduzidas pelo Arcebispo Robert Sanchez, buscam promover a reconciliação com os moradores originais daquelas regiões, anteriores à colonização espanhola.

Quando finalmente Diego de Vargas voltou das suas viagens, no ano de 1693, e a imagem de Nossa Senhora retornou à cidade de Santa Fé, foi instaurada uma festa de comemoração, que consiste numa procissão de ação de graças que perdura até os dias de hoje e que é o mais antigo festival mariano dos Estados Unidos. A Conquistadora é carregada desde a Catedral até a Capela do Rosário, na qual são celebradas Missas. Quando termina a Novena e a estátua é levada de volta para a Basílica, começam as festividades, com apresentações de conjuntos musicais e a queima de um boneco chamado “Zozobra”, de mais de 15 metros de altura, que representa os problemas e dificuldades do ano que se passou.

A imagem está confiada aos cuidados da Confraria da Conquistadora, que cuida também da capela lateral da basílica que a acolhe. Uma sacristã da Confraria é responsável por trocar as roupas, coroas, véus e perucas da imagem. Um detalhe que chama a atenção é que as perucas são feitas com cabelos de pessoas que foram curadas de câncer, e que pediram a intercessão de Maria para obter a cura. Outro detalhe bonito é que, durante a feira indígena anual, a imagem é vestida com roupas típicas dos nativos americanos, incluindo uma tradicional manta.

Martín Ugarteche Fernández, SCV

Oração
Ó Nossa Senhora da Conquista, intercedei por todos os vossos filhos, para que sejamos construtores de paz. Pedimos perdão por todas as vezes em que tentamos impor aos outros o Evangelho, sem respeitar a sua dignidade e a sua consciência, esquecendo o que vosso Filho disse: Aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração. Renovai o nosso ardor pelo anúncio do Evangelho, Dispondo-nos a dar a vida, se for necessário, Para que mais homens e mulheres possam acolher o Senhor Jesus como seu Reconciliador, e a Vós como a sua Mãe Querida. Consagramos a vós toda a nossa inteligência, o nosso coração e capacidades, para que a nobre gesta da Nova Evangelização seja uma realidade no mundo de hoje. Amém.

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.

Bem vindo!


Para completar seu cadastro, por favor, verifique seu e-mail e defina sua senha.
Caso não encontre o e-mail na sua caixa de entrada, por favor, verifique na caixa de SPAM/TRASH/LIXO ELETRÔNICO.