Busque títulos de Nossa Senhora

  • Nome
  • Mês
  • Localização
  • Intercessão
  • Todos
Ou escolha o dia no calendário  

Hoje, /1 é dia de:

Nossa Senhora da Saúde: o socorro dos enfermos

Nossa Senhora da Saúde: o socorro dos enfermos

A origem da devota imagem de Nossa Senhora da Saúde remonta aos primeiros tempos da conquista do México pelos espanhóis, sendo bem notável a fabricação da referida imagem e o material nela empregado.

Shutterstock
Shutterstock

Os índios tarascos costumavam, quando ainda gentios, modelar os simulacros de suas falsas divindades com uma pasta composta da medula do talo do milho, perfeitamente seca e moída, misturada com os falsos bulbos de uma planta epífita chamada, em seu idioma, tatzingueni. Essa mistura, nas proporções devidas, produzia uma massa bastante manipulável, e com ela modelavam as figuras.

Quem ensinou aos tarascos a aplicação da pasta de milho à estatuária foi Matias de la Cerda, o mais famoso escultor que da Europa veio para a América. Com o mesmo material, mais tarde os índios de Patzcuaro, sob a direção de dom Vasco de Guiroga, primeiro bispo de Michoacán, esculpiram a venerada imagem de Nossa Senhora da Saúde, provavelmente no ano de 1538.

A imagem foi colocada em modestíssimo altar do hospital que dom Vasco erigiu em Patzcuaro sob a invocação de Santa Maria. Assim ficaram os enfermos e desvalidos da raça indígena recomendados ao patrocínio daquela que é o consolo dos aflitos, e logo começou a Santíssima Virgem, por meio da santa imagem, a derramar tantas graças e benefícios sobre quantos a ela recorriam, que sua fama se estendeu pela comarca inteira, de modo que lhe deram o título de Saúde dos enfermos ou Nossa Senhora da Saúde.

Em 08 de dezembro de 1717 foi consagrado seu santuário, celebrando-se a dedicação com grande pompa, espaço de oito dias. Em 1890, o santuário foi remodelado e dotado de um novo altar para a milagrosa imagem, solenemente coroada em 08 de dezembro de 1899, em meio a grandes e suntuosas festas.

Oração
Oração à Nossa Senhora da Saúde Virgem puríssima, que sois a Saúde dos enfermos, o Refúgio dos pecadores, a Consoladora dos aflitos e a Despenseira de todas as graças, na minha fraqueza e no meu desânimo apelo, hoje, para os tesouros da vossa misericórdia e bondade e atrevo-me a chamar-vos pelo doce nome de Mãe. Sim, ó Mãe, atendei-me em minha enfermidade, dai-me a saúde do corpo para que possa cumprir os meus deveres com ânimo e alegria, e com a mesma disposição sirva o vosso Filho Jesus e agradeça a vós, Saúde dos enfermos. Nossa Senhora da Saúde, rogai por nós. Amém.

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.