Código Personalizado
Revista de Aparecida

Aparecida pelo Brasil: o ‘sim’ que abre portas!

Apóstolos de Aparecida ajudam na Evangelização do País por meio do Santuário Nacional e reforçam a fé em Nossa Senhora.

Escrito por João Pedro Ribeiro

12 JUL 2022 - 12H20 (Atualizada em 09 JAN 2023 - 11H19)

Rian Gandra

O Projeto Aparecida pelo Brasil baseia-se em um propósito missionário: propagar a devoção a Nossa Senhora para todo o Brasil e desbravar as fronteiras do país, distribuindo bênçãos a cada lar brasileiro que tem a oportunidade de receber a Capelinha Peregrina. A missão popular que leva a imagem da Virgem Maria às cidades é uma proposta que a Casa da Mãe oferece aos devotos e que está sempre em busca do ‘sim’ de novos Apóstolos de Aparecida.

A experiência de fazer parte desse projeto se reflete na alegria de quem leva e de quem recebe a Imagem da Mãe, além da força que os Apóstolos de Aparecida recebem de Maria. Inesia Elizabete Faleiro, 69, de Santa Rosa (RS), acha difícil encontrar palavras para descrever a vivência de ser Representante de Nossa Senhora. Para ela, os maiores sentimentos são de honra e gratidão em ter a chance de levar a imagem para as pessoas da comunidade e de fazer parte do projeto Aparecida pelo Brasil. “As bênçãos são muito grandes (...) Eu estou manejando para que eu consiga levar para quem tem mais necessidade de ficar com ela por pelo menos uma noite”, relata Inesia. “Eu a estou levando às Igrejas, ela está sendo muito bem aceita”.


Reprodução: Arquivo Pessoal do(a)a devoto(a)
Reprodução: Arquivo Pessoal do(a)a devoto(a)


Ela conta que, além das pessoas de sua própria cidade, há pedidos das cidades vizinhas de Tuparendi (RS) e Três de Maio (RS) para receber a Capelinha peregrina. Inesia ainda diz que pôde alimentar a fé do marido através da visita da imagem e que, graças a isso, eles auxiliam nos cânticos de várias Missas da Comunidade.

Em Osvaldo Cruz, a Representante Roseli Gomes Caputo, 55, faz questão de poder mostrar a Imagem da Mãe inclusive quando está levando-a a outras pessoas.

“Eu a levo na mão. Porque, às vezes, eu estou passando com ela e vejo uma pessoa que está precisando da proteção da Mãe. E, dentro da caixa, ela não vai ver que a Imagem está ali dentro. E às vezes as pessoas dizem ‘Ah, mas ela é pesada’. Para mim ela não pesa. Enquanto eu puder levá-la nos braços, eu vou levar.”


Reprodução: Arquivo Pessoal do(a)a devoto(a)
Reprodução: Arquivo Pessoal do(a)a devoto(a)


Graças ao ‘sim’ que ela deu à Mãe, o município de Osvaldo Cruz poderá receber esse ano a Imagem de Nossa Senhora na procissão que é organizada todos os anos em outubro em direção à Capela de Nossa Senhora Aparecida da cidade.

“Se ela me deu essa missão, no meu entender, ela está gostando de eu estar andando com ela em Osvaldo Cruz, visitando muitos doentes, idosos. (...) É maravilhoso”, destaca Roseli.

Os Representantes são discípulos e missionários que têm a chance de reforçar a fé em Jesus e em Maria e, a partir disso, eles fazem a diferença na propagação da Palavra de Deus, na devoção a Maria e na construção da Casa da Mãe, que permanece sempre de braços abertos para receber novos apóstolos.

Do mesmo modo que Nossa Senhora disse ‘sim’ ao projeto de Deus, você também pode dizer ‘sim’ ao projeto de Maria.

Seja um Representante da Família dos Devotos e seja um Apóstolo de Aparecida! Entre em contato conosco pelo WhatsApp (12) 3104-1212 ou ligue para 0300 2 10 12 10.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por João Pedro Ribeiro, em Revista de Aparecida

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.

Bem vindo!


Para completar seu cadastro, por favor, verifique seu e-mail e defina sua senha.
Caso não encontre o e-mail na sua caixa de entrada, por favor, verifique na caixa de SPAM/TRASH/LIXO ELETRÔNICO.