Por João Antônio Johas - Jovens de Maria Em Crescendo na Fé Atualizada em 05 SET 2018 - 12H42

Por que pedir a intercessão dos santos?

Por que pedir a intercessão de qualquer um, se podemos pedir diretamente para Deus? Essa é uma pergunta que parece ser muito razoável, não é verdade? Porque se Deus é Todo-poderoso, Ele é capaz de responder todas as nossas preces. Aliás, Ele parece ser o único que é realmente capaz de o fazer.

Dessa forma, apelar para qualquer tipo de intercessão de santos ou da própria mãe de Jesus pode parecer meio sem sentido. De fato, é por isso que muitos protestantes criticam o catolicismo. Existe algum fundamento para que peçamos ajuda a outras pessoas, que não a Deus?

shutterstock
shutterstock

Olha... Vamos partir do princípio de que isso tudo é um mistério para nós. E quando falamos de mistério, falamos de uma realidade da qual podemos conhecer algumas coisas, mas só conheceremos plenamente quando estivermos cara a cara com Deus na vida eterna. Então, se buscamos uma ciência exata, que nos responda matematicamente sobre o processo da intercessão dos santos, digamos logo que é uma empreitada fadada ao fracasso, pelo menos do ponto de vista da nossa fé católica. Mas o que podemos saber, então?

É fato que, no dia a dia, nós nos ajudamos. Nenhum ser humano pode viver, por exemplo, se não foi ajudado em sua infância. Mesmo quando nos dizemos mais independentes, estamos diariamente dependendo dos outros. Quando vamos ao supermercado, por exemplo, dependemos dos produtores, que permitiram os que os produtos existissem, dos transportadores, dos caixas do supermercado, dos donos, etc. A lista é interminável. E agora poderíamos nos perguntar: Se “Deus existe, Ele não poderia me dar tudo isso de que tenho necessidade? Por que eu dependo dos outros?”.

Pode parecer uma pergunta meio boba, mas não é. É verdade que Deus poderia prover tudo para todos num “estalar de dedos”. Assim, ficaria bem evidente que somos dependentes de Deus e que Ele sai ao nosso encontro para prover tudo o que temos necessidade. Mas, obviamente, isso não acontece. Por quê? Porque também é verdade que Deus nos criou de tal forma que dependêssemos dos demais. E essa “tal forma” tem relação com um conceito muito importante e difícil de compreender, que é a liberdade.

Leia MaisComo entender a vocação que Deus tem pra mim?Papa Francisco ensina como vencer o medo de se relacionarJunto com essa liberdade, vem o dever da responsabilidade para com o mundo. Deus deu ao homem o poder de influenciar o mundo livremente. De ordená-lo para o bem ou para o mal. E isso é algo muito radical e muito importante; é algo que, muitas vezes, pode parecer mais um peso que uma bênção, pois tudo isso significa que o que fazemos ou deixamos de fazer possui consequências reais, positivas ou negativas, em nós mesmos, nos outros e em toda a criação.

Deus quer que dependamos uns dos outros. E ele utiliza essa dependência para agir. E se isso é verdade para esse mundo 'visível', não deixa de ser verdade para o mundo espiritual. Quando nos ajudamos por meio da oração, da intercessão, o próprio Deus é quem nos ajuda.

Vários santos experimentaram tão intensamente que disseram que, ao morrer, passariam a ajudar ainda mais intensamente a humanidade com sua intercessão. Santa Terezinha do Menino Jesus chegou a dizer que passaria o seu céu fazendo o bem na terra. E muito mais podemos dizer com relação à Nossa Senhora. Temos uma passagem do Catecismo que ilustra bem seu papel de intercessora: “Esta maternidade de Maria, na economia da graça, perdura ininterruptamente, (...) até a perpétua consumação de todos os eleitos (...). Ela continua a alcançar-nos os dons da salvação eterna”.

Escrito por
Irmão João Antônio Johas (Redação A12.com)
João Antônio Johas - Jovens de Maria

Licenciando em Filosofia pela Universidade Católica de Petrópolis, Pós-graduando em Antropologia Cristã pela Universidade Católica San Pablo em Arequipa, Peru.

1 Comentário

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Anterior
Próximo
Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Jovens de Maria, em Crescendo na Fé

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.