Por Jovens de Maria Em Notícias Atualizada em 24 JAN 2018 - 14H28

JMJ receberá relíquias do jovem beato Frassati

Entre as atividades que ocorrerão na próxima Jornada Mundial da Juventude (JMJ) que se celebrará na Cracóvia (Polônia), em julho, haverá uma muito especial: a exposição e veneração das relíquias do jovem Beato Pier Giorgio Frassati, italiano originário de Turim, que faleceu quando tinha somente 24 anos de idade.

reliquias_beato_pier_giorgio_frasati

As relíquias do Beato Frassati serão expostas em Cracóvia, na Basílica da Santíssima Trindade, confiada aos Padres Dominicanos, no contexto da JMJ que ocorrerá entre os dias 26 a 31 de julho próximo e que terá a participação de Papa Francisco. A jornada tem como tema "Bem-aventurados os misericordiosos, porque encontrarão misericórdia", em união com o Ano Santo da Misericórdia inaugurado em dezembro de 2015.

:: Papa Francisco indica beato Frasati como modelo para os jovens ::

Biografia

beato_pier_giorgio_frassatiPier Giorgio Frasati nasceu no dia 6 de abril de 1901, em Turim, Itália, filho de Alfredo Frassati, que foi o fundador e diretor do jornal La Stampa, senador do Reino da Itália e embaixador de Berlim em 1922.

Era um jovem muito ativo e lhe encantava o esporte, sobretudo sair em excursões pela montanha, e fazia parte de várias associações católicas, entre elas a Ação Católica, o Apostolado da Oração, a Liga Eucarística e a Associação de Jovens Adoradores. Em 1922, ingressou no ramo laical dos dominicanos realizando seus votos como leigo em maio de 1923.

Mas o que se destaca realmente na vida do jovem é a grande misericórdia que teve com os pobres, a quem se entregou por inteiro.

Frassati morreu no dia 04 de julho de 1925 por causa de uma poliomielite. Foi beatificado em Roma no dia 20 de maio de 1990 por São João Paulo II, que na homilia expressou:

"Em nosso século Pier Giorgio Frassati, que em nome da Igreja tenho a alegria de proclamar beato, encarna em sua vida as palavras de São Pedro. A potência do Espírito de verdade, unido a Cristo, o fez um moderno testemunho da esperança que brota do Evangelho e da graça da salvação operante no coração do homem. Se converteu assim o testemunho vivo e forte defensor desta esperança em nome dos jovens cristãos do século XX (...). A Fé e a caridade, as verdadeiras forças de sua existência, o fizeram ativo laborioso no ambiente no qual vivia, na família e na escola, na universidade e na sociedade, transformando-se em um apóstolo alegre e entusiasta de Cristo, em seguidor apaixonado de sua mensagem e de sua caridade".

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Jovens de Maria, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.