Por Padre Vilas Boas, C.Ss.R Em Clube dos Sócios

Corpus Christi: “Quem come minha carne e bebe o meu sangue permanece em mim e eu nele”

corpus_cristiA celebração de Corpus Christi, palavra que deriva do latim e significa corpo de Cristo, representa um momento importante da vida da Igreja; uma vez que tem como finalidade a celebração dos mistérios da Eucaristia: o sacramento do corpo e sangue de Cristo. “Tomai e comei, isto é meu corpo. Tomai e bebei isto é meu sangue” (Mc 14, 23-24). A festa de Corpus Christi é celebrada sempre na quinta feira logo após o domingo da Santíssima Trindade, lembrando a Quinta feira Santa, quando Jesus instituiu o Sacramento da Eucaristia.

 

"O costume de adoração à Eucaristia surgiu em 1243, em Liege, na Bélgica, quando a religiosa Juliana de Cornion teve uma visão, na qual Cristo demonstrava-lhe o desejo de que o mistério da Eucaristia fosse celebrado com destaque"

O costume de adoração à Eucaristia surgiu em 1243, em Liege, na Bélgica, quando a religiosa Juliana de Cornion teve uma visão, na qual Cristo demonstrava-lhe o desejo de que o mistério da Eucaristia fosse celebrado com destaque. Mais tarde, em 8 de setembro de 1264, por uma bula do papa Urbano IV, a celebração foi colocada no calendário litúrgico. A procissão pelas ruas com a Hóstia Consagrada no Ostensório teve sua origem em 1274. Hoje em muitas cidades do mundo, onde as condições favorecem, são enfeitadas as ruas por onde passa a procissão com o Santíssimo Sacramento. Mas isso não é uma orientação obrigatória. No Brasil, a tradição de enfeitar as ruas no dia de Corpus Christi surgiu na histórica cidade de Ouro Preto, Minas Gerais.

A procissão de Corpus Christi lembra a caminhada do povo de Deus, peregrino no deserto, fugindo da escravidão em busca da Terra Prometida. No Antigo Testamento, o povo foi alimentado com o maná. Com a instituição da Eucaristia, o povo é alimentado com o próprio corpo de Cristo. A celebração consta de uma missa, procissão e adoração ao Santíssimo. Na celebração da missa, o sacerdote consagra duas hóstias; uma é consumida e a outra, apresentada aos fieis para ser adorada, logo após a procissão. Ela é colocada em um lugar de destaque no meio da comunidade, indicando a presença de Cristo vivo no centro e no coração da sua Igreja.

 

Confira a programação especial da Rádio Aparecida para o feriado de Corpus Christi.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Padre Vilas Boas, C.Ss.R, em Clube dos Sócios

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.