Por Rádio Aparecida Em Notícias

Dom Severino Clasen comenta culminância do Ano do Laicato

Eduardo Gois/A12
Eduardo Gois/A12

Em 2018, a igreja do Brasil, por meio da CNBB, realizou o ano do Laicato, momento de comemoração dos 30 anos do Sínodo Ordinário sobre os leigos realizado em 1987 e da exortação apostólica intitulada de “Os Fiéis Leigos” escrita por São João Paulo II sobre a vocação e missão dos leigos na igreja e do mundo.

Para Dom Severino Clasen, bispo de Caçador (SC) e presidente da Comissão Episcopal Pastoral para o Laicato, 2018 foi o ano de lançar sementes e colher frutos junto dos leigos, com o objetivo de aquecer a fé dos cristãos leigos e leigas juntamente com o clero. “A unidade e colegialidade é um dos grandes frutos do ano do laicato, que para nós não há um término, mas a culminância na festividade de Cristo Rei”.

Para os próximos anos, o desafio é congregar os mais diversos movimentos e iniciativas às expressões laicais e trazer para a unidade. “É uma luta a ser continuada”, afirma o bispo.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Rádio Aparecida, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.