Notícias

O que é o adultério e o que a Igreja diz sobre isso?

Escrito por Rádio Aparecida

22 FEV 2021 - 15H23 (Atualizada em 22 FEV 2021 - 16H11)

Shutterstock traicao-virtual (Shutterstock)

Ouça o podcast ou, se preferir, leia:


O Matrimônio é um sacramento instituído por Nosso Senhor Jesus Cristo, que estabelece uma união santa indissolúvel entre o homem e a mulher, e lhes dá a graça de se amarem um ao outro santamente, e de educarem pelo viés cristão os seus filhos.

Diante disso, o ouvinte Carlos Augusto de Cariacica (ES), gostaria de entender:

O que é adultério e o que a Igreja diz sobre esse pecado?

Padre Carlinhos, reitor do Santuário de Frei Galvão em Guaratinguetá, responde pelo quadro "Religião também se aprende", que o sacramento do Matrimônio é indissolúvel. "Isso porque produz um caráter indelével na alma do casal, uma marca de pertença para sempre". 

O sacramento do Matrimônio produz dois efeitos na vida do casal: dá um aumento da Graça santificante e confere a graça especial para se cumprirem fielmente todos os deveres matrimoniais.

O padre relembra também sobre a monogamia: "Matrimônio é unidade, ou seja, existe a monogamia onde os esposos vão constituir verdadeiramente uma família, centro da vida dos dois, e não uma relação penosa aberta onde várias pessoas transitam, causando sofrimento e feridas afetivas e psicológicas no uso do outro como objeto".

Leia MaisA traição é um problema de caráter?O que diz a Igreja?

O adultério é falta grave. Ao falar dele O Catecismo da Igreja Católica diz que "Cristo condena o adultério, mesmo o de simples desejo".

O Sexto Mandamento e o Novo Testamento banem absolutamente o adultério, ao dizer que "é uma injustiça, pois quem o comete falta com seus compromissos, fere o sinal da Aliança que é o vínculo matrimonial, lesa o direito do outro cônjuge e prejudica a instituição do casamento, violando o contrato que o fundamenta, compromete o bem da geração humana e dos filhos que tem necessidade de união estável dos Pais para poder crescer sadiamente, fragiliza a aliança matrimonial, põe em risco a estabilidade do lar e a felicidade dos filhos. Por isso, o cristão deve lutar contra todas as forças contra esse mal".

O casal com dificuldade conjugal precisa procurar ajuda de uma pessoa madura e capaz de auxiliá-los, seja algum dos padrinhos, os pais ou sacerdote, ou também as diversas pastorais e movimentos que auxiliam a formação e o caminho do casal.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0
Receba novidades

Cadastre seu e-mail e receba notícias diariamente

Parabéns, seu cadastro foi efetuado com sucesso!
Você deve receber nossas novidades em breve.

Ops, tivemos um possível erro no cadastro de seu e-mail.
Tente novamente por favor.

Tentar novamente
Facebook

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Rádio Aparecida, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.

Bem vindo!


Para completar seu cadastro, por favor, verifique seu e-mail e defina sua senha.
Caso não encontre o e-mail na sua caixa de entrada, por favor, verifique na caixa de SPAM/TRASH/LIXO ELETRÔNICO.