Notícias

Oremos pelos migrantes, refugiados e suas famílias

Cidadãos de várias partes do mundo sofrem com intolerância, guerras e perseguições, e precisam sempre da nossa intercessão

Escrito por Rádio Aparecida

19 JUN 2020 - 08H25 (Atualizada em 20 JUN 2022 - 14H14)

Shutterstock

Dia 20 de junho é o Dia Mundial do Refugiado. Mas essa não é uma data para ser comemorada, mas sim lembrada com orações e súplicas.

Leia Mais“Aparecida Debate” traz em pauta o crescimento mundial de refugiadosPadre brasileiro trabalha no acolhimento aos refugiados na UcrâniaMuitas pessoas de diversas nações vivem sofrendo com inúmeros conflitos internos ou com guerras. Cada um destes são obrigados a enfrentar, além da violência, uma grande tristeza em deixar tudo para trás: seus bens, suas casas e, podemos até dizer, sua própria vida.

Refugiados são aqueles que estão fora de seu país natal, os deslocados internos que fogem para outras regiões de seu próprio país por conta do medo da perseguição relacionada a conflitos armados, questões de raça, religião, nacionalidade, pertencimento a grupo social ou opinião política, bem como violação grave e generalizada de direitos humanos.

“Que nosso olhar se compadeça de tantos homens e mulheres, de todas as idades, que precisam sair de suas casas para buscar um lugar de paz e segurança. Há muito sofrimento no coração dessas pessoas, na história dessas pessoas e o sofrimento aumenta mais quando em lugares onde esperam ser recebidos e acolhidos há hostilidade.”, diz o assessor da Comissão para a Ação Missionária e Cooperação Intereclesial da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), padre Daniel Rocchetti.

De acordo com o relatório de 2021 do Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (ACNUR) mais de 100 milhões de pessoas estavam em situação de deslocamento, ou seja, foram forçadas a deixar seus locais de origem por diferentes tipos de conflitos.

Shutterstock/Por Nelson Antoine
Shutterstock/Por Nelson Antoine


Segundo a ONU, em 2020, o Brasil reconheceu um total de 26.577 refugiados. Entre as principais nacionalidades reconhecidas estão venezuelanos, sírios e congoleses.

Milhões de pessoas precisaram abandonar suas casas e vilas para se refugiar em outras cidades ou países, sob condições mínimas de sobrevivência, apenas por seguirem a Jesus Cristo.

Nos locais que abrigam cristãos, há igrejas dedicadas ao serviço de refugiados, além de vários projetos sociais em andamento, em que muitos voluntários e colaboradores se preocupam com as necessidades físicas, emocionais e espirituais de cada um deles. No entanto, em alguns países, a demanda é maior que o oferecido, principalmente quando a Igreja local ainda tem de lidar com a discriminação religiosa na própria sociedade.

Por isso, eles precisam cada vez mais de nossas contribuições e orações.
Os migrantes escolhem se deslocar não por causa de uma ameaça direta de perseguição ou morte, mas principalmente para melhorar sua vida em busca de trabalho ou educação, por reunião familiar ou por outras razões. Diferente dos refugiados, que não podem voltar ao seu país, os migrantes continuam recebendo a proteção do seu governo.

Ouça a oração do Dia do Migrante e Refugiado, gravada pela Rádio Aparecida:

:: Compartilhe com os amigos!
Na parte superior da página (logo abaixo do título) clique no botão do WhatsApp ou das demais redes sociais.

Fonte: ONG Portas Abertas

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0
Receba novidades

Cadastre seu e-mail e receba notícias diariamente

Parabéns, seu cadastro foi efetuado com sucesso!
Você deve receber nossas novidades em breve.

Ops, tivemos um possível erro no cadastro de seu e-mail.
Tente novamente por favor.

Tentar novamente
Facebook

Boleto

Reportar erro! Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou
de informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Rádio Aparecida, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.

Bem vindo!


Para completar seu cadastro, por favor, verifique seu e-mail e defina sua senha.
Caso não encontre o e-mail na sua caixa de entrada, por favor, verifique na caixa de SPAM/TRASH/LIXO ELETRÔNICO.